Chefe da HBO provoca Netflix: “Eles querem quantidade, nós queremos qualidade”

Imagem: Jumpshot/Release.

Continua após as recomendações

Executivos da HBO cutucaram a plataforma de streaming..

Parece que o chefão da HBO, Casey Bloys, não está nem aí para o que as concorrentes de Streaming pensam. Isso porque ele falou com a imprensa, durante um painel em Israel nesta segunda (12), e apontou defeitos diretos para plataformas como Netflix e Amazon, confira:

Continua após a publicidade

Eles estão em um processo de quantidade, enquanto nós queremos qualidade“, provocou (via Variety).

É verdade que, com planos para 700 séries e filmes originais em 2018, a Netflix não pode fornecer o mesmo nível de intimidade que a HBO faz com sua lista bem mais limitada de projetos. Atualmente, a HBO tem cerca de 15 séries originais no ar. Bloys disse que a marca da HBO está se tornando cada vez mais valiosa à medida que mais e mais séries lutam para se destacar em um mercado saturado de TV.

Essa qualidade é mais valiosa agora do que era há cinco anos, ao duplicar a quantidade de séries de scripts, sabendo que você vai para um lugar onde você terá um bom lançamento e atenção“, acrescentou Bloys.

O chefão da HBO ainda provocou o contrato da Netflix com Shonda Rhimes e Ryan Murphy, dois dos showrunners mais disputados do momento – e criadores de diversas séries que estão no ar. “A razão pela qual eles estão sendo bem pagos é porque eles produzem muito“, disse Bloys. Esse é um talento muito valioso.

Porém, a HBO adota uma estratégia diferente, e não gosta que os showrunners trabalhem em muitas séries ao mesmo tempo. “Game of Thrones fez sucesso porque David Benioff e D.B. Weiss concentraram-se apenas no sucesso desta série.“, completando ainda que se Rhimes ou Murphy trabalhassem para a HBO, eles gostariam que os autores escrevessem apenas uma série. “Eles se dedicariam aquele projeto que eles são apaixonados, 24 horas por dia“.

Nenhum comentário

Adicione o seu

Tags HBONetflix