Conselho de pais quer atrasar a estreia da 2ª temporada de 13 Reasons Why

Imagem: Netflix
Imagem: Netflix

Conselho não quer esperar a estreia da nova temporada para criar polêmicas…

De acordo com o Hollywood Reporter, o Parents Television Council, criado para certificar as produções de TV que são direcionados à adolescentes e crianças, está querendo atrasar a estreia da segunda temporada de 13 Reasons Why na Netflix.

Continua após publicidade

O grupo conservador e publicamente financiado, pediu na quarta-feira (5) à gigante do streaming que adie o drama de suicídio escrito por Brian Yorkey até que “especialistas da comunidade científica determinem que ele seja seguro para consumo por um público que é composto por crianças e adolescentes“.

Continua após a publicidade

Continua após publicidade

Depois de se tornar um fenômeno instantâneo, 13 Reasons Why se viu em uma polêmica global sobre como alguns de seus assuntos eram tratados na série, especificamente a representação gráfica do suicídio da adolescente Hannah Baker (Katherine Langford).

A série gira em torno do suicídio inexplicável de Hannah – que foi mostrado de perto – e das 13 fitas de áudio que ela deixou para seus colegas de classe decifrar e, finalmente, entender por que ela tirou a própria vida.

Continua após publicidade

Netflix está tentando minimizar a situação!

Em resposta às reações adversas, a Netflix adicionou cartões de alerta antes dos episódios da primeira temporada e, no mês passado, divulgou as descobertas de um estudo global encomendado pelo Centro de Mídia e Desenvolvimento Humano da Northwestern University, “Explorando a Adolescência e os Pais”.

Em resposta ao estudo, a streamer anunciou uma onda de mudanças que incluiu uma apresentação personalizada de cada temporada do elenco sobre a natureza do programa, um centro on-line de recursos no 13ReasonsWhy.Info que inclui um guia de discussão para download criado com o Fundação Americana de Prevenção ao Suicídio e um programa para continuar a conversa com os membros do elenco, especialistas e produtores sobre alguns tópicos difíceis da série.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Crítica do Conselho de Pais…

Na quarta-feira, o PTC elogiou a Netflix pelas novas proteções ao telespectador, mas pediu que a gigante do streaming adicionasse mais proteções.

O impacto da primeira temporada de 13 Reasons Why, que culminou com uma cena gráfica de suicídio de uma personagem do ensino médio, foi poderoso e intenso: milhares de crianças assistiram; o termo de pesquisa do Google sobre como cometer suicídio aumentou 26%; e houve notícias de crianças literalmente tirando suas próprias vidas depois que a série foi lançada”, disse o presidente do PTC, Tim Winter.

Talvez nunca saibamos a extensão da gravidade da influência, mas sabemos que foi suficiente para a Netflix encomendar um relatório de pesquisa sobre como o programa impactou a vida de seus espectadores – especialmente os jovens espectadores – de maneira positiva.

A Netflix ainda não divulgou a data de estreia, mas sabe-se que as gravações já foram encerradas.

Leia mais: Segunda temporada de 13 Reasons Why será ainda mais polêmica