Crítica: 8×11 de Chicago PD trouxe Hailey problemática

Hailey ainda tem problemas a explorar em Chicago PD

Crítica Chicago PD 8x11

Hailey ainda tem problemas a explorar em Chicago PD

Vez o outra, Chicago PD gosta de explorar a fundo algumas camadas dos seus detetives. E neste décimo primeiro episódio da oitava temporada, a série quis dar mais destaque para os conflitos de Hailey.

Continua após publicidade

Não é de hoje que a personagem vem apresentando certo comportamento intrigante, diante de seus atos. Aliás, na temporada passada, coube a Voight tentar dar um “jeito” na situação, a enviando para um tempo no FBI em Nova Iorque.

Continua após a publicidade

Hailey voltou, aparentemente mudada. Mas vez ou outra alguns gatilhos despertam o seu pior lado.

Continua após publicidade

Eu te amo

Acredito que o ponta pé inicial de toda a problemática envolvendo Hailey partiu do “Eu te amo” que Halstead disparou para a amada no começo do episódio de Chicago PD.

Foi inesperado, ao mesmo tempo que óbvio. Muita gente, inclusive, achou que partiria dela essa fala, mas eu já tinha uma leitura bem diferente da situação. Acredito que Halstead gostava de Hailey desde o início. E deve ter sido muito difícil para ele vê-la em um certo envolvimento com Ruzek.

Continua após publicidade

Então, agora que ele conseguiu ter um romance com ela, o detetive se jogou de cabeça. É o primeiro grande amor que ele vive, desde a partida de Lindsay. Logo, ele quis deixar claro.

Só que Hailey não correspondeu bem. E não por ama-lo de volta. Mas sim, por medo de ama-lo errado. 

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!
Imagem: Divulgação.

Marcas do passado

Enquanto Upton fugia da casa do namorado, ela acabou pegando um caso que foi parar na inteligência. A do desaparecimento de uma garota, e sua família, que de forma intrigante estava envolvida com mafiosos.

O caso foi bem interessante, mas acabou ficando em segundo plano a partir dos atos de Hailey ao investigar a história.

Além disso, a história foi importante para que a série tocasse em um ponto importante de seu passado, que foi a violência doméstica. Ela teve muitos problemas com sua família, sofreu determinados abusos e, certamente, a partir de agora, ela deverá enfrentar essas marcas do passado de alguma forma.

Só que isso colocou sua ética em pauta. Como por exemplo o momento em que ela sutilmente aponta com o dedo e indica para a testemunha quem eles querem caçar. Fiquei tipo, “o quê?”. Claro que todo tempo conta, mas existem meios mais éticos de investigar o caso.

O mesmo aconteceu quando ela e Jay chegaram ao possível cativeiro e ela abordou o sequestrador, de forma precipitada, gerando mais perda de tempo, e sem provas do crime de fato. 

Os personagens, e nós – o publico – nos perguntamos: teria Hailey agido da mesma forma, se essa trama não fosse tão pessoal para ela? Sei não!

Crítica Chicago PD 8x11
Imagem: Divulgação.

Ela quer mudar

O grande momento do episódio, além da resolução do caso, foi quando Hailey abriu seu coração para Jay e mostrou-se mais vulnerável do que nunca.

Ela explicou que toda vez que ouve “eu te amo”, ela espera um soco no estômago – fazendo referência aos abusos que passou. Hailey ainda disse que não sabe fazer isso, mas que ela quer tentar. Hailey quer aprender a fazer isso, e quer estar com Jay. 

O policial se mostrou compreensivo, mas o final do diálogo deixou algo no ar. Estaria Hailey duvidando da sua capacidade própria de ser uma boa detetive? Ela estará tendo dúvidas sobre continuar na carreira? Ou esse balanço foi natural na situação, diante da sua vulnerabilidade? 

Acredito que Hailey e Jay passaram para o próximo nível no relacionamento, porque eles se conhecem de forma vulnerável neste momento. Um sabe a fraqueza do outro, e quer estar ali para ajudar um ao outro. Só resta saber como que a série vai abordar isso.

Eu particularmente gosto muito de Hailey, e espero ver mais desse lado humanizado dela explorado. Principalmente se envolver o relacionamento dela com Jay. Boas histórias estarão por vir.

E então, você gostou desse episódio de Chicago PD? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.