Crítica: Riverdale traz novas descobertas no episódio 2×15

Imagem: CW/Divulgação
Imagem: CW/Divulgação

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

Novas descobertas e plots interessantes.

Desde que a Dramaturgia foi criada, vemos em diversos momentos personagens principais perdendo espaço para os coadjuvantes. Essa frase se aplica perfeitamente para Riverdale.

Continua após a publicidade

Archie a cada episódio que passa, torna-se em um daqueles protagonistas chatos, que cena após cena, só consegue despertar a raiva de quem está assistindo. Na primeira temporada, o personagem já foi um fiasco, porém nessa segunda, ele simplesmente não evolui, e pior, está despencando. Após as descobertas dos planos dos Lodges e até chegar a ameaçá-los, Andrews voltou atrás em questão de segundos e até mesmo pacto de sangue fez com Hiram. Deprimente e sofrível de assistir.

Continua após publicidade

Do outro lado, temos Jughead que após perder-se um pouco no desenrolar desse temporada, está voltando com tudo.

Jones descobriu os planos dos Lodges e prometeu não ficar calado, o problema mesmo é: Como fazer para mostrar para a cidade, já que até mesmo o jornal, eles compraram? Acredito que Jug, agora vendo Hermione concorrendo a prefeita da cidade, tomará medidas ainda mais desesperadas para desmascará-los.

Outro plot que ainda que um pouco cansado, aparece para nos aliviar do sufoco que é assistir Lodges/Andrews, são os Cooper. Apesar de todo drama mexicano entre Alice e Hal, que nem vou estender muito, já que estou ao lado do Hal, a volta de Polly foi no momento certo. A irmã de Beth assim que retornou com os gêmeos, já notou que havia algo errado com Chip o que levanta a questão: Porque a Alice, jornalista e editora do jornal da cidade, virou essa personagem que não questiona o “próprio filho? por sorte, Beth foi atrás, descobrindo que ele não é quem parece ser. Contudo, será que Chip, não foi um caso de Alice do passado, por isso o resultado para o sangue Blossom deu negativo?

Continua após publicidade

Falando em Blossom, o que foi a volta do Clifford, hein?! Digo, Claudius, o irmão gêmeo. A storyline dessa família que estava meio apagada, começa a ganhar forma e também, relevância para o restante da drama.  Cheryl agora sabe que a mãe e o tio – que acredito mesmo que seja o pai, e sua morte foi mesmo um plano da família para algo maior, conspiram contra tudo e todos, inclusive contra ela. Já aguardando ansiosamente a atitude dessa rainha da série e também, mais momentos com a Toni.

Riverdale volta na próxima quarta-feira (21), assista a promo:

https://www.youtube.com/watch?v=ZSCW0Ge0g0E