Game of Thrones – 6×01 – The Red Woman

Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries
Imagem: HBO/Divulgação

[spacer size = “20”]

Continua após publicidade

Finalmente, a espera acabou, e GoT está de volta para a sua sexta temporada. O episódio foi bem mediano e esperava mais para uma premiere, fora que achei muito curto. Mas mesmo assim teve algumas surpresas que vou comentar a seguir.

Continua após a publicidade

Realmente Jon está morto, e Davos tenta manter seu corpo protegido. A Patrulha da Noite ameaça, mas temos que lembrar que os Selvagens, com o gigante, Melisandre e Davos estão do lado do Jon. Mas o mais estranho foi erro de continuidade do último episódio da quinta temporada. Jon tinha sido morto a noite, Davos só ficou sabendo pela manhã e aí sim protegeu o corpo, mas nenhum dos traidores foi lá na neve com sangue escorrido atrás de Jon durante toda noite?! Ficou estranho, HBO!

Continua após publicidade

Ainda no Norte, acompanhamos a fuga de Sansa e Theon, sendo perseguidos pelos guardas de Ramsay. Quando eles alcançam os meninos, Brienne surge do nada, como uma heroína para lutar, juntamente com Podrick. A aparição de Brienne foi bem repentina mesmo. Outro fato estranho foi que os cachorros que acompanhavam os guardas simplesmente sumiram. Mas a cena valeu para ver a guardiã cumprir o juramento que fez à Catelyn e jurar sua espada à Sansa.

Indo para Dorne, nos deparamos com um plot muito diferente dos livros, e consequentemente com um desfecho mais discrepante ainda. Foi surpreendente ver Elaria e as Serpentes de Areia matando Doran Martell, Areo Hotah e Trystane Martell, ainda mais com a facilidade que foi matar Areo, aquele homem daquele tamanho (que jamais morreria assim com facadinha). Também achei que teve um erro de continuidade, pois Trystane estava no navio com as Serpentes e Jaime? Mas no episódio anterior vimos que elas não foram. Jaime também não menciona para Cersei que Trystane está em Porto Real. Muito estranho!

Continua após publicidade

Fiquei em choque ao ver que os guardas traíram Doran e não fizeram nada. Não achei o motivo usado suficiente para isso, que foi porque Doran não entrava em guerra contra os assassinos dos Martell, como aconteceu quando Oberyn foi morto, por exemplo. Enfim, não veremos mais Dorne na série? =/

Já em King’s Lading, Cersei chora nos braços de Jaime, quando descobre a morte de sua filha Myrcella. Realmente, a menina era boa e não tinha nada da mãe. Foi bem denso o close que deram em Cersei, quando ela soube da notícia, a expressão do seu rosto, quando ela viu a mortalha dourada e lembrou da profecia. Excelente cena!

Imagem: Banco de Séries
Imagem: HBO/Divulgação

Nas terras dos Dothrakis, Daenerys, que é capturada, fica duas horas para falar seus nomes e títulos, como sempre. Deu vontade de rir junto com o Khal Moro. Mas no fim das contas, ela vai acabar ficando com outras viúvas de Kkhal, que igualmente devem ser respeitadas.

No plot da Arya, os passos são lentos. Vemos que ela tem dificuldade em ser cega, e isso é tido como uma punição. Uma menina tenta ensinar ela a lutar nestas condições, e percebemos que Arya passa a ouvir muitas vozes, like Demolidor mesmo rsrs.

O final do episódio, acredito, foi o mais surpreendente para todos e o que gerou mais discussão. Mas, gente, não foi erro de continuidade ou coisa do tipo a cena da Melisandre. Acontece que Melisandre é uma bruxa que gasta parte do seu poder para manter a bela imagem física (feitiço glamour). Aquele colar é apenas um símbolo do poder de R’hllor. Anteriormente ela tinha tirado o colar na série sim, mas ela tinha poder suficiente para manter a beleza. No entanto, no episódio, quando ela tira o colar, o poder dela está bem menor, por causa da morte de Stannis. Eu acredito que ela também esteja um pouco desacreditada no Senhor da Luz, e o colar serviu como metáfora para ela se despir da magia, sendo então ela mesma. No meio da bagunça toda, ela foi dormir haha. Mas calma, vamos deduzir que ela precisa pensar para ajudar o nosso menino Jon, não é mesmo?

O que vem a seguir é uma surpresa para todos, pois isso está além dos livros, que aliás, nem podemos mais ficar comparando. A série, já faz um tempo, tem traçado outros caminhos diversos que os do livro, mas George R. R. Martin mesmo já disse que ambos vão ter o mesmo final. A única coisa que podemos concluir que a noite é escura e cheia de terrores (haha), e desta vez nem os leitores das crônicas saberão o que vai acontecer – e isso é ótimo!

[spacer size = “20”]

Obs.: Em Meereen, não acontece muita coisa, Tyrion e Varys apontam o perigo dos Filhos da Harpia e os problemas da cidade, mas eles tão sendo vigiados. E em Winterfell, Roose Bolton ameaça Ramsay, falando que ainda não acabou, que ainda vai ter guerra, os Lannisters estão bravos pela traição. Já Miranda, morreu mesmo e Ramsay deu o corpo dela para alimentar os dogs, coitada!
Obs. 2: Jorah e Daario aparecem apenas para completar os núcleos. Jorah para mostrar a Escamagris e contar que estão a procura de Dany. O mais impressionante foi achar o anel dela no meio daquele campo enorme. Forçado, não foi?!
Obs. 3: Conversei um pouco no canal do Mix sobre as especulações para esta temporada, confira aqui.

[spacer size = “20”]

A promo do próximo episódio tem Bran finalmente de volta, depois de mais de uma temporada sem dar as caras:

[spacer size = “20”]

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=uOYTFqUhD9Q[/youtube]

Editora, revisora e advogada. Uni o gosto pela cultura pop à facilidade de lidar com textos. Aqui no Mix sou responsável pela revisão das postagens e às vezes me aventuro em redigir alguns posts especiais.