Mix Music #64 – 05/07 a 11/07

Mix Music #64

Séries finalizando, séries retornando, e o Mix Music segue em sua incessante busca semanal pelo que rolou de melhor musicalmente no mundo das séries. Como sempre, a vocês só resta colocar os fones de ouvido e conferir o sempre satisfatório resultado.

Continua após a publicidade

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] PLAYLIST DA SEMANA

01) Radiohead – Creep (My Mad Fat Diary, #3×03 “Voodoo”)

Para tristeza dos fãs da série e do Mix Music, My Mad Fat Diary chegou ao fim. A série britânica focou principalmente na dificuldade de aceitação, baixa autoestima, entre outros problemas pelos quais muitos adolescentes passam. Mesmo com seu inigualável bom gosto musical, ninguém estava psicologicamente preparado para a última música que tocaria na série: uma versão acústica de “Creep”, maior hit do Radiohead, cuja letra resume perfeitamente os conflitos internos de Rae, desde “I wanna a perfect body, I wanna a perfect soul” até o reconhecido refrão. Perfeito, assim como o desfecho da série, e muito difícil conter as lágrimas.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=JsHKoJM8uv8 [/youtube]

02) The Verve – Lucky Man (My Mad Fat Diary, #3×03 “Voodoo”)

Mais uma música que traduz perfeitamente a sensação daquela fase da vida pela qual os personagens da série estavam passando, que é a transição da adolescência para a vida adulta, com toda “happiness coming and going”. A música perfeita pra tocar após o baile de formatura, principalmente sendo performada por Archie. Repito: nunca existirá trilha melhor.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=MH6TJU0qWoY [/youtube]

03) Blackchords – Into the Unknown (Suits, #5×03 “No Refills”)

Essa aqui provavelmente ganha o título de música mais rodada do mundo das séries. Já passou por quase todas e agora foi Suits a privilegiada em contar com o rock alternativo pouco diferenciado da australiana Blackchords encerrando o episódio em questão.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=2R9cblpiVPQ [/youtube]

04) Bonnie “Prince” Billy – Intentional Injury (True Detective, #2×03 “Maybe Tomorrow”)

Não, esse não é o Prince que conhecemos e nesse caso é realmente preferível que não seja, já que seria bem difícil que combinasse. Aparentemente essa é mais uma música original da série, seguindo o conceito musical que ela adotou para essa temporada, que eu não sei definir exatamente, mas é algo meio Johnny Cash, voz grave e violão, tipo um country alternativo e intimista.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=XnlFOpmDxJM [/youtube]

05) Eagles – Hotel California (Ray Donovan, #3×01 “The Kalamazoo”)

Acho que eu estou mais feliz com o retorno dessa série do que os próprios fãs dela. Nunca a assisti, mas não existe Mix Music de summer season decente por muito tempo sem Ray Donovan. E já na estreia de sua terceira temporada ela não economizou e mandou, entre outras coisas boas, esse clássico absoluto da banda Eagles.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=lrfhf1Gv4Tw [/youtube]

06) Shirley Temple – On the Good Ship Lollipop (Ray Donovan, #3×01 “The Kalamazoo”)

A maior estrela mirim hollywoodiana dos anos 30 Shirley Temple e seu maior sucesso musical “On the Good Ship Lollipop” também foram vítimas de interpretação de uma personagem de série nessa semana. A música foi cantada por Audrey, enquanto Mickey lia na piscina.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=WLLSqpYyPD8 [/youtube]

07) Patsy Cline – You Belong to Me (Masters of Sex, #3×01 “Parliament of Owls”)

Assim como Ray Donovan, outro retorno festejado pela coluna é o de Masters of Sex, com sua trilha sempre infalível e diferenciada. Então acho que devemos à Showtime boa parte do sucesso das playlists dessa temporada. Masters trouxe para a premiere de seu terceiro ano a excelente interpretação de Patsy Cline para esse clássico composto por Sue Thompson e popularizado por Jo Stafford.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=PSbgZwP85RE [/youtube]

8) Jungle – Lucky I Got What I Want (Halt and Catch Fire, #2×06 “10Broad36”)

Novamente Halt and Catch Fire entre os destaques da semana, dessa vez com o grupo londrino de modern soul Jungle. A música tocou enquanto Joe deixava uma mensagem para Sara.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=9OO7mK5KoBg [/youtube]

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] MIX VITROLA

Paul Simon – 50 Ways to Leave Your Lover (Veep, #2×04 “The Vic Allen Dinner”)

Com toda a naturalidade que a série intenciona e que uma música de fundo acrescentada na edição inevitavelmente quebra, Veep é a última série que pode gerar conteúdo para essa coluna, considerando que, exceto por uma ou outra presente no contexto do episódio, não existe nada remotamente musical em sua essência. No entanto, um episódio em especial foi marcado por música. O hit setentista do ex-Simon & Gardfunkel não tocou nem foi cantada por ninguém no episódio, mas foi usada como base para a paródia composta por Mike para Selina performar no jantar referenciado no título, onde haveriam algumas “brincadeiras” entre os políticos. A paródia ganhou o título de “50 Ways to Win in Denver” e ofendeu metade da Europa (na série), mas para nós, fãs, se tornou um dos principais marcos da comédia da HBO. A intérprete de Selina, Julia Louis-Dreyfus, executou a música com sua habitual competência e senso cômico, como você pode conferir AQUI, nesse que para mim é provavelmente o melhor episódio da série. Mas vale a pena conhecermos a fonte, então fiquem com a versão original de Paul Simon.

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=xhasLyfuT4Y [/youtube]

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

4 comments

Add yours

Post a new comment