O Poder e a Lei tem segredo na Netflix que fãs não sabiam

Série da Netflix, O Poder e a Lei tem segredo sobre produção e como foi parar na plataforma.

O Poder e a Lei série
Imagem: Divulgação.
Continua após publicidade

O Poder e a Lei (The Lincoln Lawyer) estreou na Netflix e está fazendo um grande sucesso. A série, que chegou no catálogo da plataforma no dia 13 de maio, subiu ao topo do Top 10 em menos de 24 horas, tornando-se um título que vem chamando atenção.

Continua após publicidade

A série segue a história de Mickey Haller, um advogado de defesa em Los Angeles que trabalha em um Lincoln Town Car. Ou seja, ele advoga de dentro de um carro, ao invés de um escritório. No entanto, as coisas mudam quando o advogado Jerry Vincent morre e deixa Haller não apenas com seu escritório, mas com um caso de alto perfil de um homem que enfrenta acusação de matar sua esposa e seu namorado.

Para piorar as coisas, alguém parece estar atrás de Mickey, fazendo com que sua vida e a vida de seus colegas também possam estar em risco.

Continua após publicidade
Continua após publicidade

Com dez episódios na primeira temporada, a série é um prato cheio para maratonar. Mas o que os fãs da Netflix não sabiam é que a série esconde um segredo por trás de sua história.

O Poder e a Lei série
Imagem: Divulgação.

O Poder e a Lei tem segredo na Netflix

Embora seja uma série que está estreando com o título “Original Netflix”, na verdade, O Poder e a Lei foi uma ideia que, incialmente, seria para um canal aberto.

Continua após publicidade

Leia também: Tudo sobre a série O Poder e a Lei

O criador, David E. Kelly, popular por escrever séries como Boston Legal, Ally McBeal, e mais recente Big Little Lies e Nine Perfect Strangers, é quase uma máquina de produzir séries para a TV. Atualmente, ele está por trás de vários títulos, incluindo os citados e, ainda, a série Big Sky do canal ABC.

Continua após publicidade

Então, Kelly idealizou a série O Poder e a Lei, inspirado no filme de 2011 estrelado pelo ator Matthew McConaughey, que seria feita para o canal CBS dos Estados Unidos. O mesmo que exibe séries como NCIS, FBI e Magnum PI.

Continua após publicidade

CBS engavetou o projeto de O Poder e a Lei antes mesmo de filmar

A CBS estava há apenas alguns dias de começar a filmar o primeiro episódio de O Poder e a Lei quando a pandemia fechou todas as produções. Então, o canal precisou repensar alguns custos e resolveu desligar a produção da série.

Continua após publicidade

Leia também: Magnum PI, sem 5ª temporada, saiba como a série acabou

Nesta versão, que iria ao ar na TV aberta dos EUA, O Poder e a Lei se passaria no mesmo universo do filme de 2011. E contaria com o ator Logan Marshall-Green protagonizando a história.

Continua após publicidade

Então, quando a CBS engavetou a série, a A+E Studios começou a correr atrás de um outro lugar que pudesse exibir a atração.

O Poder e a Lei série
Imagem: Divulgação.

Netflix brigou com o Amazon Prime Video pela série

Vale ressaltar, ainda, que a Netflix não foi a única interessada no projeto. O Amazon Prime Video demonstrou interesse em comprar os direitos da série e chegou a disputar com a Netflix a compra da exibição.

No entanto, o streaming veterano venceu a briga e pôde dar sequência ao projeto. Dessa forma, a versão que os fãs estão assistindo colocou o ator mexicano Manuel Garcia-Rulfo (The Magnificent Seven) como o advogado Mickey Haller, personagem original dos livros e do filme de 2011. A escalação não foi aleatória, uma vez que os produtores optaram por fidelizar-se a origem do personagem, também latino nos livros.

Vale ressaltar, portanto, que a série O Poder e a Lei na Netflix não tem qualquer ligação com o filme de mesmo nome, estrelado por Matthew McConaughey.

Todos os episódios de O Poder e a Lei já estão disponíveis na Netflix.

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.