O que é o Brilho em Manifest? Mistério da série revelado

Manifest chega ao fim na Netflix respondendo seus maiores mistérios. Eis a verdade sobre um de seus maiores questionamentos.

Manifest

Manifest, da Netflix, cria uma mitologia complexa para contar a história do desaparecimento e reaparecimento inexplicável de um voo que deveria pousar em Nova York em 2013. Para os passageiros, foi apenas uma pequena turbulência que os abalou, mas a realidade era que eles haviam se ausentado por mais de 5 anos.

À medida que os passageiros investigam o motivo por trás da ocorrência, eles fazem descobertas chocantes. As coisas são muito mais complicadas e acima de seu plano de compreensão. Eles entendem partes disso, mas também sabem que talvez nunca entendam completamente o que aconteceu com eles e por quê.

Ainda assim, eles sabem o suficiente para montar uma explicação aceitável. O Brilho é uma peça importante desse quebra-cabeça. Se você quiser saber mais sobre isso, aqui está a resposta! SPOILERS A SEGUIR!

O que é o Brilho?

Quando o voo 828 desapareceu, ele sumiu no ar para o resto do mundo. O radar não conseguiu rastrear o avião e nenhuma comunicação foi estabelecida com a tripulação.

Eles procuraram em todos os lugares, tentando descobrir onde o avião poderia ter desaparecido, mesmo considerando a possibilidade de que ele pudesse ter caído. No entanto, não havia destroços, nenhuma evidência para dar uma resposta concreta sobre o que poderia ter acontecido.

Leia também: Manifest: 4ª temporada Parte 2 estreia e revela seu maior segredo

Enquanto os anos se passavam no mundo real, as pessoas a bordo do voo 828 estavam acima do plano da existência humana normal. Não é até a quarta temporada que eles inventam um nome para isso. Eles o chamam de Consciência Divina ou Brilho, devido às luzes brilhantes em seu fundo.

Ninguém sabe como ou por que eles acabaram no Brilho, mas é claro que este lugar está acima das regras do tempo e do espaço. Aqui, todo o tempo e as memórias existem ao mesmo tempo. Todas as coisas que aconteceram e acontecerão existem aqui. Todas as pessoas que existiram ou existirão estão aqui, junto com suas memórias, que é o que leva à existência dos Chamados.

Quando o voo 828 entra no Brilho, os passageiros sentem uma intensa sensação de calma e paz porque aqui eles estão com o criador do mundo. Isso é o mais próximo que eles chegam de Deus. Todas as coisas que vêm a eles como Chamados mais tarde aparecem aqui.

Mas quando eles saem do Brilho e voltam ao mundo normal, eles esquecem o que viveram lá, por isso os Chamados os surpreendem.

Depois que Zeke morre, ele acaba no Brilho. Ele aparece para Michaela, tentando guiá-la em um momento difícil. Eles não podem se tocar, mas podem falar um com o outro. É quando Zeke diz a ela que estar no Brilho significa que ele tem acesso a todas as suas memórias e sabe o que acontecerá no futuro.

Ele não pode contar a ela sobre o futuro porque isso pode afetar seu livre arbítrio, mas ele é livre para contar a ela sobre o passado e todas as vezes que seus caminhos se cruzaram e quase se encontraram.

Leia também: Não vai acabar? Ator diz que Manifest pode continuar após final

Outra coisa que descobrimos sobre o Brilho é que ele pode ser acessado através do Omega Sapphire. Cal tem a safira em sua tatuagem de dragão, enquanto Angelina tem a pedra. Eles visitam repetidamente o plano durante seus Chamados e os de outros, embora nunca saiam dele, o que significa que há algumas restrições sobre como os vivos podem acessá-lo.

Quando chega a Data da Morte, o avião reaparece, leva os passageiros de volta ao Brilho, onde eles encontram seu julgamento. Onze passageiros são punidos, mas o restante é enviado de volta para suas famílias no tempo.

Depois de passar pelo Brilho, o avião pousou em 2013, quando desapareceu pela primeira vez. Isso mostra que o tempo não se move em linha reta no Brilho. Com a mesma facilidade com que levou o avião para o futuro, o Brilho também pode levá-lo ao passado.

Depois de todos esses anos tentando desvendar o mistério por trás do que aconteceu com eles, os passageiros sabem muito pouco sobre o Brilho, mas saem dele com o conhecimento de sua existência e como ele conecta tudo no mundo.

Sobre o autor
Avatar

Matheus Pereira

Coordenação editorial

Matheus Pereira é Jornalista e mora em Pelotas, no Rio Grande do Sul. Depois de quase seguir carreira na Arquitetura, enveredou para o campo da Comunicação, pelo qual sempre nutriu grande paixão. Escritor assíduo na época dos blogs, Matheus desenvolveu seus textos e conhecimentos em Cinema e TV numa experiência que já soma quase 15 anos. Destes, quase dez são dedicados ao Mix de Séries. No Mix, onde é redator desde 2014, já escreveu inúmeras resenhas, notícias, criou e desenvolveu colunas e aperfeiçoou seus conhecimentos televisivos. Sempre versando pelo senso crítico e pela riqueza da informação, já cobriu eventos, acompanha premiações, as notícias mais quentes e joga luz em nomes e produções que muitas vezes estão fora dos grandes holofotes. Além disso, trabalha há mais de dez anos no campo da comunicação e marketing educacional, sendo assessor de imprensa e publicidade em grandes escolas e instituições de ensino. Assim, se divide entre dois pilares que representam a sua carreira: de um lado, a educação; de outro, as séries de TV e o Cinema.

Baixe nosso App Oficial

Logo Mix de Séries

Aproveite todo conteúdo do Mix diretamente celular. Baixe já, é de graça!