Posto de Combate, filme tem inacreditável história real

Sucesso na Netflix, filme Posto de Combate tem história real.

Posto de Combate filme

O filme Posto de Combate é um drama de guerra que conta a história de 53 soldados dos EUA que lutaram contra cerca de 400 insurgentes inimigos no nordeste do Afeganistão, durante a Operação Enduring Freedom. A ação acontece no Combat Outpost Keating, que foi construído de início para engajar os moradores em projetos de desenvolvimento comunitário.

Continua após publicidade

No entanto, o posto avançado, que fica na base de três montanhas íngremes, a apenas 22 quilômetros da fronteira com o Paquistão, enfrentava uma constante ameaça de ataque do Talibã.

Os soldados de lá estão sujeitos a um risco incessante, que se torna realidade quando a chefia decide fechar a base e os talibãs querem se manifestar. Então, Posto de Combate tem mesmo história real? Revelamos!

Continua após publicidade

A verdadeira história de Posto de Combate

Sim, Posto de Combate tem base em uma história real. O filme é uma adaptação de um livro de não-ficção, “The Outpost: An Untold Story of American Valor”, de Jake Tapper. O autor falou sobre o filme em uma entrevista ao Deadline, onde detalhou o quão preciso o filme é.

Ele disse à equipe do filme: ‘Você vai conhecer todos esses homens e mulheres incríveis, veteranos e famílias Gold Star e outros, e eles vão se tornar parte de suas vidas pelo resto de sua vida, como eles se tornaram da minha.’.

Leia também: Posto de Combate, tudo sobre o filme de guerra no Afeganistão

O verdadeiro teste para Posto de Combate foi quando exibiram o filme para as famílias Gold Star, ou seja, qualquer pessoa que tenha um ente querido retratado no filme ou que tenha sido morto em batalha. Tapper expressou alegria quando as famílias lhe disseram que o filme homenageou seus entes queridos. Na mesma entrevista, ele falou sobre como visitou o Afeganistão duas vezes para fins de pesquisa, mas não foi ao próprio Combat Outpost Keating.

Continua após publicidade

Para dar vida à Batalha de Kamdesh, Ty Michael Carter, que esteve presente durante a batalha, fez parte do filme como conselheiro militar e coprodutor. Carter ainda tem um pequeno papel de ator no filme, mas quem o interpreta na tela é Caleb Landry Jones. Outros veteranos da época também estiveram presentes no set e têm pequenas participações no filme. Estes incluem Stoney Portis, Christopher Cordova, Daniel Rodriguez e Henry Hughes.

Apesar da precisão consciente aos detalhes, Posto de Combate toma algumas liberdades na maneira como retrata os ex-comandantes, 1º Tenente Ben Keating e Capitão Robert Yllescas. Keating morreu enquanto servia na base em 2006, após o que foi renomeado em sua homenagem. Quanto a Robert, ele faleceu em 2008. Suas histórias ajudam a estabelecer a posição fraca do posto avançado e como os inimigos observavam a base. Isso nos leva à verdadeira Batalha de Kamdesh.

Posto de Combate filme
Imagem: Divulgação.

Batalha de Kamdesh

A Batalha de Kamdesh faz parte da Guerra no Afeganistão. O ataque ocorreu em 3 de outubro de 2009, quando 300 talibãs desceram ao Posto Avançado de Comando Keating. Enquanto os batedores de cavalaria da Tropa B, 3º Esquadrão, 61º Regimento de Cavalaria, 4ª Brigada de Combate, 4ª Divisão de Infantaria se preparavam para fechar a base, o inimigo lançou seu ataque. Cerca de 50 soldados americanos estavam no posto avançado no momento. No entanto, os bravos soldados mantiveram a base até que o apoio chegasse e dispersaram o Talibã.

Continua após publicidade

Leia também: Fãs de 365 Dias 2 precisam assistir esse novo filme na Netflix

Oito dos americanos foram mortos e 27 ficaram feridos, enquanto o Talibã perdeu cerca de 150 assaltantes. Como resultado da batalha, invadiram e quase destruíram o COP Keating. Após o ataque, houve punição de dois oficiais do exército por planejarem de forma inadequada na montagem da base e por reagir a relatos de possíveis ataques planejados.

Oito aviadores foram premiados com a Distinguished Flying Cross por seus esforços para ajudar a defender a base. O Sargento Clinton Romesha e o Sargento Ty Carter ganharam medalhas de honra por suas ações durante a batalha. O livro de Tapper cobre a história da base, incluindo a batalha, e ele mesmo a transformou em um filme, garantindo que nada se perca na tradução.

Posto de Combate filme
Imagem: Divulgação.

Portanto, podemos ter certeza de que Posto de Combate tem base em uma história real e mortal de um ataque sangrento, além de ser um conto de coragem. As liberdades tomadas são mínimas, para não desrespeitar as memórias dos soldados que lutaram e caíram na batalha.

Então, o que Tapper espera que as pessoas tirem de Posto de Combate? Ele disse: “Espero que as pessoas aprendam seus nomes. Ben Keating e Rob Yllescas e Stephan Mace. Bem como Josh Kirk e Josh Hardt e todos os outros por aí. Saiba mais sobre suas histórias. E, no mínimo, espero que eles apenas pensem no fato de que enviamos esses homens e mulheres para esses lugares para nossa segurança. E que devemos prestar mais atenção ao que estamos pedindo a eles.”.

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.