80% dos assinantes da Netflix não assistem suas séries e filmes originais nos EUA

Imagem: Netflix/Divulgação

Público prefere produtos licenciados… 

Se você achava que o público preferia os produtos originais Netflix, dentre as opções do catálogo da plataforma, se enganou. De acordo com uma pesquisa feita pelo 7Park, e publicada pelo Digital Spy, 80% dos usuários da Netflix não assistem conteúdo original da plataforma nos Estados Unidos. A pesquisa também foi tema de matéria publicada pela Variety.

Esse é um hábito bem surpreendente, visto que o carro chefe das divulgações da plataforma são suas séries originais. Apenas 20% do público norte-americano assistem séries como Black Mirror, Jessica Jones e Orange is the New Black.

Preferência por outras séries!

De acordo com a pesquisa, os assinantes gostam mesmo é das séries de TV que são transmitidas em outros canais e distribuídas mundialmente pela Netflix. Dentre os títulos, os mais mencionados são Breaking BadThe Office e Grey’s Anatomy.

Curiosamente, parece que nem mesmo a estreia de uma grande série faz muita diferença na forma como nós assistimos Netflix. Uma prova disso, foram os dados coletados na semana seguinte à estreia de Stranger Things 2o conteúdo original consumido representava apenas 35%.

A pesquisa do 7Park também diz ter descoberto que apenas 18% dos clientes dos EUA foram considerados “originais dominantes” em um período de 12 meses terminando em setembro de 2017. Já 42% do público assinante assiste conteúdo predominantemente licenciado. (via Variety).

Esses números, um tanto decepcionantes, seguiram a retirada oficial da Netflix do Festival de Cannes deste ano, depois que uma nova regra proibindo filmes sem distribuição teatral na França foi introduzida.

About Anderson Narciso

Anderson Narciso
Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.