10×03 de Chicago Fire mudou tudo para personagens

Terceiro episódio preparou terreno para mudanças em Chicago Fire.

Chicago Fire 10x03 review

A décima temporada de Chicago Fire está mesmo interessante. E, depois de dois episódios que fez o público se reconectar com os personagens após um tempinho, este terceiro capítulo trouxe mudanças significativas para a temporada. Assim, traçou os rumos que os personagens deverão seguir a partir daqui.

Continua após publicidade

Enquanto uns encaram as mudanças como positiva, outros estão precisando de ajuda. Além disso, a série também dá indício de uma química interessante que tem tudo para evoluir para romance.

Continua após a publicidade

Cruz em apuros e Gallo indo para o Esquadrão?

Um dos ganchos que Chicago Fire estabeleceu no segundo episódio: Cruz está mal e ainda tendo crises de pânico durante os chamados. Severide tentou acreditar que ele estava bem, mas, após várias sequências, ele entendeu que as coisas estavam difíceis para o bombeiro.

Continua após publicidade

Mas a primeira atitude de Severide, suspender Cruz, não foi muito legal. Com o tempo de profissão que ele tem, já era tempo dele entender que não é somente afastar um bombeiro que o fará ficar bom. Mas ele precisa de atenção, conversa, terapia e, ainda, um apoio de alguém superior.

Leia também: Cena de Chicago Fire foi anunciada como tragédia real na TV

Severide, na verdade, só entendeu isso após Casey o alertar. E foi bom. Severide acabou indo ajudar Cruz e, sem dúvidas, será um fator decisivo na sua melhora.

Continua após publicidade
Chicago Fire 10x03
Imagem: Divulgação.

Neste meio tempo, a série jogou com a possibilidade de Gallo deixar o caminhão e ir para o Esquadrão. Aliás, por um momento, achei que ele fosse substituir Cruz. Mas o próprio Gallo reconheceu que ainda precisa aprender com Casey antes de ir para o Esquadrão, e achei muito humilde da parte dele. Eu o adoro e seria incrível ver sua evolução no Esquadrão. Mas acho que a dinâmica entre Gallo e Casey tem mais o que render para a série.

Aliás, Gallo junto de Ritter e Violet estão tendo ótimas histórias em Chicago Fire. Adorei essa ideia da cervejaria, e eles estão correndo atrás de fazer sucesso em Chicago. Por mais cenas dos três fora do batalhão, porque a química entre os amigos é certa. Uma ótima decisão dos produtores em explorar esse viés!

Matt e Brett: futuro incerto na série?

Embora as tramas de Brett e Casey tenham se separado apenas neste episódio, acabaram induzindo o espectador a pensar que o futuro deles como casal é incerto.

Primeiro porque temos Brett correndo atrás do programa que ela quer implantar em Chicago, para chamados menos importantes. O único problema é que o novo chefe dos paramédicos é um empecilho para isso. Mas você notou uma química entre Brett e o chefe? Eu não sei, mas acho que esse ódio todo pode se transformar em amor. E, claro, uma ameaça para o casal Brett e Casey.

Leia também: 10×02 de Chicago Fire teve crise de pânico e vídeo viral

Ao mesmo passo, Matt está passando por um outro momento em sua vida: com a volta de Griffin, ele ficou sabendo que a mãe dos meninos (agora adolescentes) está presa, após ser pega com abuso de substância. O garoto foi lá atrás de Casey tentar um alívio para a mente, mas a verdade é que ele precisa de ajuda.

Chicago Fire 10x03 Matt
Imagem: Divulgação.

Casey, boa pessoa que é, se propôs a ajudar, e eu já estou prevendo que, em breve, ele vá pegar a tutoria desses rapazes. Tornar-se um pai para eles poderá ser intenso e, dessa forma, interferir diretamente na relação dele com Brett.

Somando o fato de que um novo bonitão surgiu no pedaço, se somarmos 1 + 1 chegamos a um resultado bem previsível em Chicago Fire, não acha? Vou torcer para que isso não aconteça.

Um outro ponto, inclusive, é que achei bacana os flashbacks da primeira temporada. Mas, aqui, notou que a casa que pegou fogo no piloto ainda está destruída? Como assim, em dez anos, não recuperaram ela? Chocado!

Para fechar, em uma nota rápida, é muito triste ver o Boden longe do 51 e sendo um tanto “ignorado” no seu novo posto. Acho que, em breve, ele vai pedir demissão e voltar para ser o chefe da galera. Mais um fato que vou torcer para acontecer…

Estou gostando dessa décima temporada, um marco para a série. Manter-se dez anos no ar com fôlego não é fácil, e Chicago Fire tem de sobra. Os fãs só têm a agradecer!

Nota: 4.5/5

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.