9×04 de Chicago PD deu a Hailey o seu pior pesadelo

Episódio de Chicago PD foi intenso e culminou com confronto entre Voight e Jay.

Chicago PD 9x04
Continua após publicidade

Chicago PD está impecável nesta temporada! Com quatro episódios em sequência, a nona temporada já conquista o título de espetacular. Claro, eu esperava que o padrão estivesse alto após o grande gancho envolvendo Burgess, ao final da temporada passada. Mas eu mal poderia imaginar que seria os desdobramentos daquela fatídica noite que iria proporcionar à Chicago PD as suas melhores histórias.

Continua após publicidade

Nos três primeiros episódios, vimos Hailey em uma montanha-russa de emoções. E, neste quarto, ela enfrenta todos os seus demônios e se depara com seu pior pesadelo.

Hailey está em seu pior momento

Este episódio teve um caso intenso envolvendo sequestro de crianças, mas realmente ele acabou ficando em segundo plano diante de tudo o que alguns personagens sentiram ao investigar o caso.

Continua após publicidade
Continua após publicidade

Hailey, por si só, não está bem. E confesso que fiquei com pena dela. Ela está tendo crises de ansiedade, não está dormindo à noite, e pensa 24h por dia no homem em que ela matou, diante de Voight. O pior de tudo é que, por estarem em uma situação ilegal, isso não pôde ser reportado, então, ela fez algo errado – mesmo encoberta por Voight.

Leia também: 9×03 de Chicago PD abriu feridas do passado de Halstead

Tudo isso que ela está passando indica que Hailey é uma pessoa boa. Mesmo que Chicago PD tenha tentado jogá-la em um lado “obscuro” na temporada passada, próximo do que Voight fazia no início da série, ela não é ruim. Ela tem um um coração e a consciência dela está extremamente pesada.

Continua após publicidade

Durante a investigação, um informante acabou sendo interrogado de forma intensa e, sem Hailey perceber, acabou se machucando. Esse foi o grande gatilho para que, em uma cena angustiante, Upton tivesse uma crise de pânico próximo de um colapso. Ela está presa em um lugar no qual as paredes estão se fechando contra ela, sem poder fazer nada. É horrível, e a sensação que tenho por ela é de empatia.

Continua após publicidade

Hailey superou esse episódio com garra, mas esses crises de pânico não irão embora facilmente. Isso sem contar o que vem por aí, diante dos desdobramentos finais deste episódio.

Continua após publicidade
Chicago PD 9x04
Imagem: Divulgação.

A dor de Hailey é responsabilidade de Voight?

Acho que, em certo ponto, Hailey acreditou que poderia ser como Voight. Ela cresceu profissionalmente sob a tutela dele e se tornou, talvez, a pior versão da pessoa que ela queria ser. Só que acredito que ela nunca quis ser uma pessoa dura, embora ela tentasse acreditar firmemente nisso.

Continua após publicidade

A prova é quando ela tentou impedir Voight de matar Roy. Por isso, o que aconteceu depois foi ladeira abaixo. Acontece que, neste momento, Hailey se sente culpada por muitas coisas. Parte delas ela não teria qualquer responsabilidade. Só que, diferente da temporada passada, quando ela estava sozinha, ela agora tem Jay. E, ao mesmo tempo que isso é uma solução, é também um grande problema.

Continua após publicidade

Hailey está mentindo para Jay, a única pessoa que poderia confortá-la e apoiá-la em seus piores momentos, na suas piores versões. Ela precisa ter o ombro de Jay para se apoiar, mas uma única pessoa a impede disso, e seu nome é Hank Voight.

Chicago PD 9x04 review
Imagem: Divulgação.

O embate de Voight e Jay em Chicago PD foi intenso

Jay pode parecer bobo em muitos momentos, mas era óbvio que em algum momento ele ia perceber. Foi diante do comportamento de Hailey que, por conta própria, ele foi atrás da verdade. E descobriu.

Leia também: 10×04 de Chicago Fire indicou que Casey vai embora

Quando Jay chegou no local onde Roy está enterrado, Voight rapidamente apareceu. Ele tinha colocado um alerta no sistema, e ele saberia quando alguém tivesse próximo da pista. Hank só não imaginava que isso fosse partir de dentro da Inteligência. Então, em um confronto épico, Jay soltou tudo o que guardava. Culpou a Hank por toda dor que Upton vem passando – claro, ele ainda estava se referindo ao momento “obscuro” que ela teve no ano passado. Foi, então, que Hank admitiu a morte de Roy, mas entregou que quem o matou, na verdade, foi Hailey.

Imagem: Divulgação.

Quando Jay se recusou a acreditar, e Hank disse que o policial não sabe com quem ele está dormindo, foi o suficiente para levar Jay a dar um grande soco no seu chefe. Claro, Voight merecia esse soco. Mas talvez não por isso. Afinal, Jay realmente não sabe com quem ele está se deitando, muito menos o que Upton está passando.

As coisas vão ficar muito complicadas para Jay e Upton a partir daqui, julgando pelo o olhar do final, quando ele a encontra. Mas acho que o amor que Halstead sente por Hailey o fará superar tudo isso. Afinal, tudo o que ele precisa fazer, a partir de agora, é ajudá-la. Ao menos, vamos torcer para isso!

Nota: 5/5