Acredite em Mim A história de Lisa McVey: a verdade por trás

História fez sucesso na Netflix.

Acredite em Mim Lisa McVey

Acredite em Mim A história de Lisa McVey foi um sucesso surpresa entre os espectadores da Netflix, desde que chegou na plataforma em 2022.

Continua após publicidade

Isso levou os espectadores a mergulhar na história verdadeira e angustiante que inspirou o filme e o que aconteceu com Lisa McVey, desde os eventos de 1984. Época quando ela foi sequestrada pelo serial killer Bobby Joe Long e acabou ajudando a polícia a prendê-lo.

Acredite em Mim A história de Lisa McVey, na verdade, estreou no Lifetime nos EUA e no Showcase no Canadá, em 2018, e não é um filme original da Netflix. Mas isso não impediu os espectadores de serem compelidos pela história de McVey três anos depois.

Continua após publicidade

O filme ainda tem o apoio de McVey, que participou de uma exibição especial do filme em 2018, que aconteceu no mesmo cinema em Tampa, Flórida, onde Long foi finalmente capturado em 1984.

Mas quão preciso é a história real do que aconteceu com McVey, em 1984, e onde ela está agora? Saiba tudo sobre a história real de Acredite em Mim A história de Lisa McVey.

Acredite em Mim A história de Lisa McVey

Embora Acredite em Mim A história de Lisa McVey tenha alguma licença criativa com certos elementos (especificamente o quanto as pessoas acreditaram na história de McVey após sua fuga), a trama se mostra bastante fiel aos eventos da vida real.

Continua após publicidade

Em 3 de novembro de 1984, McVey tinha 17 anos quando Long a derrubou de sua bicicleta e a puxou para dentro de seu carro. “Lembro-me de implorar a Deus – faça o que fizer, apenas não deixe que ele me mate”, disse ela à Fox 13.

Leia também: Sequestro em Cleveland na Netflix, a história real de Ariel Castro

Acredita-se que Long tenha est*prado e ass*ssinado pelo menos oito mulheres na década de 1980 e manteve McVey por 26 horas “com uma *rma“. “Ele me est*prou várias vezes. Perdi a conta“, explicou ela.

Como mostrado em Acredite em Mim A história de Lisa McVey, McVey sofreu ab*so nas mãos do namorado de sua avó, e ela acreditava que essa experiência foi o que a ajudou a convencer Long a não matá-la.

Continua após publicidade
Acredite em Mim Lisa McVey
Imagem: Divulgação.

Eu tive que pegar todos os ab*sos que sofri quando criança e apenas descer mais uma vez, na boca do meu estômago. Dessa forma, pude explorar essas habilidades de sobrevivente para superá-lo psicologicamente”, lembrou Lisa McVey.

Eu disse, ‘Olha, é lamentável como nos conhecemos, mas eu posso ser sua namorada. Eu poderia cuidar de você, e ninguém nunca precisa saber.’

Ela acrescentou que conversou com ele “como uma criança de 4 anos” e também disse em um ponto que ela tinha um pai doente que ela precisava cuidar. Funcionou e Long a levou para um lugar perto de onde ele a sequestrou e a soltou.

Então ele foi embora. Eu puxei minha venda para baixo, e a primeira coisa que eu vi foi este lindo carvalho. Foi nesse momento que eu soube que minha vida estava prestes a mudar para o bem. Eu vi os galhos de uma nova vida.” explicou McVey.

Caminhando para capturar o ass*ssino

Usando elementos que aprendeu em programas de TV de detetives, McVey fez questão de deixar suas impressões digitais no banheiro de Long durante sua provação, além de lembrar detalhes como uma placa de identificação “Magnum” em seu carro e vários aspectos de sua aparência.

“Uma vez ele colocou minhas mãos em seu rosto. Havia marcas de varíola, um bigode pequeno, orelhas pequenas, cabelo curto, corte limpo, meio corpulento, mas não acima do peso; um cara grande”, observou ela.

Leia também: Entrevias, o final explicado da série e detalhes escondidos

“Fiquei calma quando contei minha história, mas sabia que precisava ajudá-los, precisava encontrar esse cara antes que ele atacasse novamente.”.

Como resultado das informações de McVey, Long foi capturado em 1984, e um ano depois ele se declarou culpado de oito ass*ssinatos, bem como do sequestr* e agr*ssão de McVey. Ele recebeu 28 sentenças de prisão perpétua e uma sentença de m*rte pelo ass*ssinato de Michelle Simms, de 22 anos.

O que aconteceu com Long de Acredite em Mim A história de Lisa McVey

Embora o filme afirme que ele ainda está no corredor da m*rte, esse não é mais o caso, pois Long foi executado em maio de 2019. McVey foi uma das testemunhas presentes e deu uma declaração poderosa onde ela leu os nomes de cada uma de suas vítimas em voz alta.

Este conteúdo é importado do YouTube. Você pode encontrar o mesmo conteúdo em outro formato, ou pode encontrar mais informações em seu site.

Acredite em Mim Lisa McVey
Imagem: Divulgação.

“Bobby Joe Long, obrigado… Obrigado por me escolher em vez de outra garotinha de 17 anos. A razão pela qual eu digo ‘obrigado’ agora é porque eu te perdoei pelo que você fez comigo,” ela disse.

“Se eu não tivesse te perdoado, eu poderia estar na minha própria prisão, sem muros. Deus me mostrou que a única maneira de ser realmente livre quando alguém faz injustiça contra você é o perdão completo. Minha vida mudou para sempre, e para melhor. . Escolhi não continuar sendo uma vítima, escolhi viver.”.

Acredite em Mim: onde está Lisa McVey agora?

Enfim, como mencionado no final de Acredite em Mim A história de Lisa McVey, agora Lisa McVey Noland tornou-se vice-xerife do Condado de Hillsborough, especializada em crimes sexuais e trabalha para proteger crianças.

“[Sou] uma protetora. Ninguém vai se machucar no meu turno”, disse ela à Fox 13 em 2019. “Essa foi minha motivação para me tornar policial. Não sou mais uma vítima”.

Imagem: Divulgação.

Ela também trabalha como adjunta de recursos escolares trabalhando em uma escola de ensino médio perto de onde tudo aconteceu e é palestrante motivacional. Em 2018, ela disse que esperava que o filme capacitasse as vítimas a superar suas circunstâncias:

“É para mostrar às pessoas como abraçar a vida depois que coisas horríveis acontecem com você. Talvez coisas físicas, talvez mentais ou emocionais, quero ser uma inspiração para os outros.”.

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.