Chicago Fire: Jesse Spencer saiu da série após 10 temporadas

Casey deixou o batalhão 51 e, com isso, Jesse Spencer está fora de Chicago Fire.

Chicago Fire Jesse Spencer saiu
Continua após publicidade

Fim de uma era em Chicago Fire: o TVLine confirmou que o quinto episódio da décima temporada, o episódio 200, que a NBC exibiu nesta quarta-feira, 20, marcou também a despedida do ator Jesse Spencer da série. Com isso, Casey está fora de Chicago Fire!

Continua após publicidade

O ator era uma das estrelas originais da série, estando presente desde o primeiro episódio em 2012, sendo um dos seis personagens regulares restantes da primeira temporada. Os outros são: Taylor Kinney, David Eigenberg, Eamonn Walker, Christian Stolte e Joe Minoso. Mas, depois de passar oito anos na série House, indo diretamente para Chicago Fire em 2012, Spencer está pronto para dar uma pausa em sua carreira e colocar seu foco em outro lugar.

Por que ator quis sair de Chicago Fire

“Percebi que faço TV há muito tempo. Eu somei tudo, e acho que este ano é meu 18º ano trabalhando em TV aberta”, disse Spencer aos repórteres durante uma entrevista coletiva. “Eu liguei para o [showrunner] Derek [Haas] e dei a ele a notícia. Disse que achava que era hora de deixar a série, e ele concordou que deveríamos levar Casey para pelo menos 200 episódios de Chicago Fire. Foi uma decisão difícil, porque adorei fazer a série desde o início, mas há outras coisas que gostaria de fazer no futuro. E há uma família que preciso cuidar, e 18 anos é muito tempo.”.

Continua após publicidade
Continua após publicidade

Leia também: 10×04 de Chicago Fire revelou a saída de Casey

“Eu estava, é claro, querendo falar com Jesse para ele ficar e voltar”, acrescentou Haas. “Mas fiquei muito feliz que ele nos deu cinco episódios do que apenas dizer no final de uma temporada, o que às vezes também acontece, como, ‘Estou fora’. Isso nos permitiu trazer de volta um enredo da primeira temporada de Chicago Fire, que eu sei que Jesse estava animado quando lhe apresentamos isso. Ou seja, trazer de volta os meninos Darden e realmente vincular o piloto à partida de Jesse.”

Chicago Fire Jesse Spencer saiu
Imagem: Divulgação.

A saída de Casey na série

Na 200ª exibição de Chicago Fire, Casey disse a seus amigos e colegas do corpo de bombeiros que estava se mudando para Oregon para cuidar dos filhos de seu falecido melhor amigo Andy Darden (pelo menos até Ben entrar na faculdade em três anos).

Continua após publicidade

A decisão de mudança de vida feita por um “círculo completo perfeito e uma maneira realmente razoável para Casey, organicamente, deixar a série“, especialmente porque o bombeiro sempre quis ser um pai, disse Spencer. E, depois de apenas uma ligação do vice-chefe distrital Boden, Casey já tinha um emprego alinhado com o Corpo de Bombeiros de Portland.

Continua após publicidade

Ao se despedir de Chicago, Casey deu adeus a várias pessoas com sua equipe de bombeiros e recebeu um discurso atencioso de Boden (após o qual os bombeiros originais da série abraçaram Casey de forma coletiva).

Continua após publicidade

Leia também: Chicago Fire comemora exibição de 200 episódios

Haas colocou todos os seus próprios sentimentos sobre a partida de Spencer nas palavras de Boden, “então foi uma cena muito difícil de escrever”, Haas compartilhou. “Jesse significou muito para mim. Eu queria terminar o episódio com isso”, completou o roteirista.

Continua após publicidade
Chicago Fire Jesse Spencer saiu
Imagem: Divulgação.

Como fica o romance de Casey e Brett?

Casey, por sua vez, significou muito para Brett e vice-versa, então, naturalmente, ele tentou convencê-la a ir para Oregon com ele. Mas sua namorada não estava pronta para deixar para trás o programa de paramédicos que acabara de lançar. Em vez de terminar, o casal decidiu tentar um relacionamento à distância, com Casey jurando: “Nada vai mudar.”

Continua após publicidade

Depois de construir “Brettsey” por três temporadas em Chicago Fire, Spencer admitiu que o momento de sua saída foi infeliz no que diz respeito ao romance da dupla.

Nós finalmente tínhamos chegado lá”, disse ele. “Foi difícil porque eu realmente gosto de Kara [Killmer, que interpreta Brett]. Estabelecemos um relacionamento muito, muito bom. Eu adorei trabalhar com ela… Mas foi escrito muito bem no episódio, porque eles estão tentando fazer esse relacionamento funcionar, mas eles sabem que ele está indo embora. Então, eles meio que estão dizendo que nada vai mudar, mas…”.

Bem, nós sabemos no que isso vai dar.

O ator disse que não irá deixar a cidade de Chicago, e que precisa de um tempo para descansar. Dessa forma, ele não descartou retornar à série num futuro. Vamos todos ficar na torcida!

E então, o que você achou da partida de Casey em Chicago Fire?