Inventando Anna, tudo sobre a série: história, elenco e mais

Sinopse oficial, história real e todos os detalhes de Inventando Anna, série da Netflix produzida por Shonda Rhimes.

Inventando Anna

Mais estranho que Ficção! A série da Netflix, Inventando Anna, da foco na história real de Anna Delvey, uma golpista infame que enganou a elite de Nova York com centenas de milhões de dólares.

Continua após publicidade

Em 2018, a revista New York publicou um artigo sobre a nativa da Rússia, que se fez passar por uma rica herdeira alemã com um fundo fiduciário de US$ 67 milhões em meados da década de 2010. Tudo isso, explorando os locais mais ricos da cidade. A vigarista, cujo nome verdadeiro é Anna Sorokin, procurou garantir empréstimos para um clube de arte luxuoso que ela pretendia abrir. No final, ela enganou seus amigos e parceiros comerciais de Nova York em um total de US$ 275.000 durante uma mentira que durou 10 meses.

A série limitada da Netflix, dessa forma, tem base no artigo original. Na redação, o artigo explora como a europeia conseguiu se safar de seu esquema de enriquecimento por tanto tempo – e como ela foi pega. Julia Garner, de Ozark, é a grande estrela do papel principal.

Continua após publicidade
A verdade sobre Inventando Anna: o que é real na série...
Imagem: Divulgação.

Inventando Anna tem livro?

Inventando Anna, como dito, tem base em um artigo de 2018 da revista New York de Jessica Pressler, que também escreveu a história que inspirou o filme Hustlers de Jennifer Lopez em 2019.

Leia também: A verdade sobre Inventando Anna, o que é real na série

O artigo de Pressler, além disso, analisou como Delvey enganou tantas pessoas importantes a acreditar que ela era a realeza alemã. “Mas é a maior vigarista de Anna New York ou ela é simplesmente o novo retrato do sonho americano?”, pergunta a sinopse oficial do programa da Netflix.

A série explora o “enigmático laço de amor e ódio” que Anna (Garner) e Vivian (Chlumsky) formam durante o julgamento.

Continua após publicidade
Inventando Anna
Imagem: Divulgação.

O elenco de Inventando Anna

Garner, duas vezes vencedora do Emmy, interpreta a titular Anna, que é descrita como “uma jovem de 20 e poucos anos com um sotaque europeu difícil de identificar que toma Nova York de assalto” e, dessa forma, deixa “uma contagem emocional de corpos em seu rastro”.

Além disso, Anna Chlumsky, de Veep, interpreta Vivian, uma repórter que está procurando sua grande chance – e vê isso em Anna.

Leia também: Astros de Chicago Fire são mesmo amigos na vida real?

O elenco de Inventando Anna também inclui Laverne Cox, de Orange is the New Black, Katie Lowes, de Scandal, bem como Arian Moayed, de Succession, Alexis Floyd, de The Bold Type, Anders Holm, de The Intern, Anna Deavere Smith, de The West Wing. E ainda, Terry Kinney, de Oz.

Continua após publicidade

Inventando Anna, Trailer

O que aconteceu com Anna Delvey?

Em abril de 2019, Delvey foi condenada por um júri de Manhattan por quatro acusações de serviços de roubo, três acusações de furto bem como uma acusação de tentativa de furto. Em maio daquele ano, ela foi condenada a um mínimo de quatro anos de prisão após um julgamento de um mês. Durante o qual ela recrutou um estilista para manter sua aparência glamorosa no tribunal.

A juíza de condenação de Delvey alegou que ela ficou “atordoada com a profundidade do engano do réu”. E que a golpista havia sido “cegado pelo brilho e glamour da cidade de Nova York”.

Na época de sua condenação, Delvey disse ao The New York Times: “A questão é que não sinto muito. Estaria mentindo para você, para todos os outros e para mim mesmo se dissesse que sinto muito por alguma coisa.

No entanto, ela admitiu: “Eu me arrependo da maneira como fiz certas coisas. Meu motivo nunca foi dinheiro… eu estava com fome de poder.”

Imagem: US/Release.

Depois de cumprir quase dois anos em uma prisão do estado de Nova York, Delvey foi libertada em fevereiro de 2021. Ela, então, rapidamente retornou ao Instagram para informar seus seguidores que ela estava “trabalhando em uma coisinha” especial para eles. Seu uso de mídia social após a prisão a colocou sob custódia da Imigração e Alfândega dos EUA em abril de 2021. Na época, a polícia alegou que sua postagem no Instagram mostrava falta de remorso por seus crimes.

Na época, ela enfrentou a ameaça de deportação.

Ainda assim, Delvey está ansiosa para “tentar reescrever minha história”, disse ela à ABC News em setembro de 2021. E acrescentou: “Gostaria de mostrar ao mundo que não sou essa pessoa burra e gananciosa que eles me retrataram. ”

É uma produção da Shondaland

A criadora de Grey’s Anatomy, Shonda Rhimes, escreveu e produziu Inventando Anna com sua parceira de Shondaland, Betsy Beers. David Frankel, que dirigiu O Diabo Veste Prada, foi o responsável pelo piloto.

O que a verdadeira Anna pensa

Em um ensaio de fevereiro de 2022 para o Insider, Delvey escreveu que não tinha planos de assistir Inventando Anna, embora tenha falado com Garner sobre a série enquanto ainda estava na prisão. “Mesmo que eu puxe as cordas e faça acontecer, nada sobre ver uma versão ficcional de mim mesmo neste ambiente de manicômio criminoso parece atraente para mim“, escreveu Delvey, que está sob custódia do ICE por violar os termos de sua decisão. “E enquanto eu estou curiosa para ver como eles interpretaram todas as pesquisas e materiais fornecidos, eu não posso deixar de me sentir como uma reflexão tardia. Uma ironia sombria de estar confinada em uma cela em mais uma instalação correcional horrível perdida entre os linhas, a história se repetindo.”

Garner, por sua vez, disse que não teria nenhuma má vontade em relação a Delvey se não assistisse. “Respeito o que Anna faz em termos de querer ou não assistir ao programa“, disse ela ao Entertainment Tonight, acrescentando que parecia uma “experiência fora do corpo” conhecer Delvey . “Eu gostaria que houvesse uma câmera lá porque isso era como um filme em si, de certa forma“, disse ela ao ET.

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.