Livro que questiona saúde mental de Donald Trump vai virar série de TV

Imagem: Al Drago/The Wall Street Journal
Imagem: Al Drago/The Wall Street Journal

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

Escrito pelo jornalista Michael Wolff, mais conhecido pelo seu trabalho em entretenimento e uma biografia de Rubert Mordoch, o livro Fogo e Fúria: Por Dentro da Casa Branca de Trump, que dentre várias assuntos questiona a saúde mental de Donald Trump para ser presidente, vai virar série de TV. As informações são do The Holywood Reporter.

Continua após a publicidade

A Endeavor Content comprou os direitos de adaptação da obra para televisão e cinema, mas o objetivo é produzir uma série de televisão apesar de ainda não existir um canal definido ou interessado.

Continua após publicidade

Wolff será produtor executivo ao lado de Michael Jackson, lendário executivo de televisão do Reino Unido que já comandou a BBC e o Channel 4.

Na lista dos mais vendidos da Amazon e do The New York Times desde quando foi anunciado, o livro é um dos mais controversos lançados em 2018. Além de questionar a sanidade de Donald Trump ao afirmar que o presidente se repete a cada trinta minutos, a obra também afirma que o ex-executivo não se interessa em ler documentos oficiais, é paranóico em relação a própria comida e passa grande parte do seu tempo assistindo televisão.

Continua após publicidade

O livro foi escrito a partir de um grande acesso que Wolff teve na Casa Branca desde os primeiros dias da presidência de Trump, entrevistando grande parte dos assessores, especialmente o já demitido estrategista chefe Steve Bannon.

Críticos do livro afirmam que ele possui uma série de erros de escrita e factuais, como a afirmação de que o presidente não conhecia o ex-presidente da Câmara, John Boehner, mesmo que ele já tenha jogado golfe com ele diversas vezes. Para os defensores, é um retrato do que acontece diariamente na Casa Branca.

Vendido para 32 países a obra já se tornou um best seller mundial, sendo traduzido para o espanhol, português, japonês, mandarim, francês, alemão e entre outros. No Brasil o lançamento acontece pela editora Objetiva na quinta-feira, 29 de março com preço sugerido de 49, 90 reais.

Catarinense e bacharel de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.