Spoiler Alert: Confira os spoilers e novidades da semana nas séries de TV

Spoiler Alert, This Is Us, The Resident, The Purge, Silicon Valley

Spoiler de The Purge, Legacies, For All Mankind e muito mais

É com grande satisfação que apresento para vocês a coluna Spoiler Alert desta semana com muitas novidades. Temos informações sobre The Purge, assim como Legacies. Contudo, também trazemos uma entrevista com o criador de uma deliciosa série espanhola, a sensacional The Plague. Sem contar com The Resident, o último ano de Silicon Valley e o episódio desta semana de This Is Us.

Continua após a publicidade

No tradicional Spoiler Bônus, esclarecemos e desvendamos como será o novo game show da ABC com apresentação de Craig Ferguson. Já nas idas e vindas de certos elencos, há novidades em Shark TankThe StandEvil e muito mais. Por fim, o trailer da semana com um novo longa metragem da Amazon Studios que promete ser extraordinário para quem adora uma boa conspiração.

Então conto com sua leitura do Spoiler Alert desta semana, assim como seus comentários, críticas e sugestão de novidades.

Um mundo completamente diferente

Para quem assistiu The Purge com a promessa de que a série seria uma minissérie, ficou impressionado quando a USA Network anunciou a renovação. Sendo assim, mudanças tiveram que ser feitas. Em conversa com a Entertainment Weekly, o produtor executivo James Roland prometeu ‘um mundo completamente diferente’ daquele universo. “Pela primeira vez, nós veremos como que é o mundo entre os expurgos e como que o feriado de violência repercute no restante daquele ano,” disse o produtor.

“Marcus [papel de Derek Luke] está em casa na noite do expurgo, tentando ficar são e salvo,” diz a produtora executiva, Krystal Houghton Ziv. “O problema é que alguém invade o local e tenta matá-lo. Então, o restante do ano será o personagem tentando descobrir quem tentou mata-lo e como detê-lo para que não retorne no ano seguinte. Até mesmo Esme [Paola Nuñez, a co-protagonista], como representante do partido, New Founding Fathers of America, estará em busca de respostas,” completou.

Ainda não há previsão de chegada da série no Brasil.

Eu odeio o Natal

Na coluna da semana passada, trouxemos uma entrevista de Julie Plec em que garantia uma Legacies mais ousada para sua segunda temporada. Noutra conversa com a imprensa, desta vez com o TV Guide, ela contou que o episódio especial de natal será ‘hilário’. Reforçando assim, a proposta de ‘sair da caixa’. De acordo com a produtora, as gravações do especial natalino começaram recentemente. Tal sequência trará algumas surpresas para os estudantes,” disse.

“Nós estamos muito empolgados com isso. É hilário. Tem um clima natalino muito especial,” garantiu. “Tudo o que eu posso dizer é que não é necessariamente situado no período de natal. Então a pergunta que você deveria estar fazendo é, ‘O que provoca o espírito natalino infectar Mystic Falls?'”, completou. Ainda não há previsão de exibição do episódio nos Estados Unidos, tampouco no Brasil.

Admirável Mundo Novo

Mesmo que não seja muito conhecida no Brasil, The Plague (ou La Peste) é um sucesso sem precedentes no seu país de origem, na Espanha. Sendo assim, a produção é uma das principais ofertas que Movistar+, plataforma digital da Telefónica, na MIPCOM, principal feira de televisão do mundo. Em conversa com a Variety, o criador e roteirista, Rafael Cobos, contou o que esperar dos novos episódios.

“Há dois elementos fundamentais que eu queria que esse novo mundo tivesse. Primeiramente, um espaço distante, complexo e desconhecido que é difícil para que a recuperação de Mateo [o protagonista, interpretado por Pablo Molinero] ocorra. Contudo, pensei que seria ótimo para que isso acontecesse num novo mundo. Ao mesmo tempo, estava interessado num universo novo e completamente distinto daquele banhado pelas águas turquesas e palmeiras. Um mundo mais hostil,” completou.

Brincando com o tempo

Quando a Apple TV+ for lançada em 1º de novembro, uma das séries que já estará disponível é For All Mankind. Drama estrelado por Joel Kinnaman, cuja proposta é de imaginar um mundo a partir do tradicional ‘e se’. Neste caso a ideia é de explorar como que os Estados Unidos estaria melhor desenvolvido caso tivesse mantido o grande investimento em ciência após colocar o primeiro homem na lua. Em conversa com a Enertainment Weekly, Ronald D. Moore, o co-criador do drama ao lado de Matt Wolpert e Ben Nedivi, nos trouxe algumas dicas do que assistiremos na primeira temporada.

“Vamos começar a ver como que a história se altera. Durante o desenvolvimento da temporada, nós vamos pular meses – e até mesmo anos – para imaginarmos o que pode ocorrer caso tivéssemos abandonado a Guerra do Vietnã e Nixon investisse em programas especiais,” explicou Moore. “Como que as coisas mudam a partir disso? Na nossa história, Ted Kennedy não vai para Chappaquiddick. Ele cancela essa viagem e vai para Washington, então o time de Nixon fica preocupado com sua eventual candidatura. Há muito o que explorar quando se considera como a vida seria ser diferente,” completou.

Montanha russa de emoções

O episódio de The Resident da semana passada trouxe más notícias para boa parte, senão todos, os médicos do Chastain Park. Sendo assim, o TV Line conversou com Todd Harthan no intuito de esclarecer certas situações e contar o que esperar do futuro. “Nós queremos que a audiência, nos próximos episódios, se pergunta se os acontecimentos recentes serão suficientes para Cain voltar a ter um compasso moral,” disse.

“Vamos tratar se isso realmente afetou, de alguma forma, sua experiência. Nós vamos perguntar, ‘Será mesmo que as pessoas conseguem mudar?’ Então é algo que vamos explorar com esse personagem até a midseason finale,” confirmou. Harthan conclui afirmando que seu relacionamento com o Dr. Bell será uma ‘montanha russa de conflito e esperança’ nos próximos episódios, à luz da situação calamitosa que ele se encontra após seu último erro com Cain.

Atualidades

A última temporada de Silicon Valley, cuja estreia acontece no próximo domingo (27), vai ser trazer um tópico muito atual: a reação negativa contra as empresas de tecnologia. De acordo com o Axios, o Season Premiere trará o protagonista e CEO da fictícia Pied Piper, Richard Hendricks (Thomas Middleditch), indo testemunhar numa audiência pública do congresso americano sobre privacidade nas redes.

“É como se quebrar todas as coisas nem sempre traduzisse na  decisão correta – quem poderia ter enxergado?”,  disse o co-criador Alec Berg em entrevista à jornalista Kia Kokalitcheva, da Axios. O subtítulo da última temporada é How Big Is Too Big? ou em tradução livre – “O quão grande é grande demais?”.

Começando com o pé direito

Durante uma sessão de perguntas e respostas logo após a exibição do quarto episódio da atual temporada de This Is Us, o produtor executivo, Isaac Aptaker, trouxe alguma dicas do que podemos esperar desta temporada. Mais precisamente do episódio desta terça-feira (22), em que Milo Ventimiglia dirigiu. “Milo detonou e arrasou pra gente. Ele fez um trabalho tão incrível, mesmo sendo sua estreia como diretor. Nós vamos voltar ao final da década de noventa, onde Rebecca terá que lidar com a notícia de que Kevin e Sophie se casam precocemente aos dezoito anos,” completou o produtor.

Spoiler Bônus

A ABC anunciou na semana passada a encomenda de um novo game show. Batizado de The Hustler, que não tem nenhuma relação com o recente filme estrelado por Jennifer Lopez, a atração terá Craig Ferguson como apresentador. A proposta é de instigar os dotes investigativos da audiência. A cada episódio, o programa vai seguir cinco participantes que colaboram em responder uma série de perguntas de conhecimentos gerais.

A missão deles é de vencer o grande prêmio. Contudo, um dos candidatos sabe grande parte das respostas e manterá sua identidade secreta para vencer. A produção da atração começará ainda neste ano, mas ainda não há previsão de estreia, mas pela proposta é possível afirmar que será durante a Spring ou Summer Season.

Quem entra e quem sai

Shark Tank: bastante querido pela audiência do programa, o vice-presidente Miami Dolphins e co-fundador da VSE Ventures, Matt Higgins, retornará ao programa no episódio previsto para ser exibido, nos Estados Unidos, em 27 de outubro. Os criadores que aparecerão na ocasião virão do Colorado (dois), além de um de Delaware. A ABC não divulgou quais farão um acordo com os sharks, então resta assistir.

Because The Night: novo drama da ITV ganhou um reforço e tanto no seu elenco. Russell Tovey, visto recentemente na excepcional Years & Years, interpretará Nathan, um homem que busca distanciar-se do seu passado. Ele carrega consigo um terrível segredo que sempre pensou que ficaria no passado, mas de repente resolve bater a sua porta.

The Stand: Heather Graham foi confirmada no novo drama da CBS All Access, adaptação da obra homônima de Stephen King. A atriz interpretará Rita Blakemoor, uma mulher bastante rica que não está muito preparada para o fim do mundo e tenta fugir de uma Nova York infestada por um super vírus. Ela se junta a um grande elenco já anunciado, como James Marsden, Alexander Skarsgård e Whoopi Goldberg.

Evil: vencedora do Tony pelo seu trabalho em Hamilton, Renée Elise Goldsberry, foi confirmada para fazer um grande arco na nova série sobrenatural da CBS. A atriz vai interpretar Renee Harris, uma jovem advogada que trabalha para Igreja Católica. Ela tem uma conexão do passado com David: ela é irmã da sua saudosa namorada Julia.

Madam C.J. Walker: produzida por Octavia Spenecer e LeBron James, a nova minissérie da Netflix acaba de ganhar dois novos reforços no seu elenco. Zahra Bentham e Mouna Traoré foram confirmadas em papéis recorrentes. A primeira interpretará Nettie, membro da Associação Nacional para Mulheres Negras. Enquanto Traoré será Esther, que trabalha ao lado da protagonista.

Trailer da Semana: The Report

Exibido minutos antes do início do quinto debate entre os candidatos à nomeação do partido democrata, o segundo trailer de The Report reforça que a produção não é uma série. Muito pelo contrário. É um longa metragem que, por ser da Amazon Prime Video, ganha nossa merecida atenção. Descrito como um thriles baseado em acontecimentos reais, traz o idealista Daniel J. Jones (Adam Driver) incumbido pela sua chefe, a Senadora Dianne Feinstein (Annette Bening), em investigar o programa de interrogação e detenção da CIA, criado após o 11 de setembro. A busca incessante de Jones, leva o servidor a descobrir fatos explosivos sobre o funcionamento de uma das principais agências de inteligência do país.

A direção é de Scott Z. Burns, enquanto o elenco é composto por Adam Driver, Annette Bening e Jon Hamm. Outros grandes nomes incluem Sarah Goldberg, Michael C. Hall, Douglas Hodge, Fajer Kaisi; Ted Levine, Jennifer Morrison, Tim Blake Nelson, Linda Powell, assim como Matthew Rhys, T. Ryder Smith, Corey Stoll e Maura Tierney. A estreia nos cinemas americanos acontecem em 15 de novembro, enquanto no streaming o lançamento ocorre em 29 de novembro.

 

Spoiler. Spoiler. Contudo, spoiler. Contudo, spoiler. Portanto, spoiler.

Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours