The Last of Us: 2ª temporada deve mudar final do jogo

Série da HBO deve realizar grande mudança na segunda temporada, mudando o final do segundo jogo de The Last of Us.

The Last of Us 2 temporada jogo mudanca
Imagem: Divulgação.

Para alcançar sucesso como uma série de TV, a segunda temporada de The Last of Us da HBO precisa fazer uma grande mudança no final do segundo jogo.

Como no primeiro jogo, Joel (interpretado por Pedro Pascal) aniquila todos na instalação e sai com Ellie (Bella Ramsey). Isso, após perceber que os médicos dos Vagalumes matarão Ellie, que está inconsciente, para produzir a cura. Incapaz de perder outra criança, Joel coloca Ellie acima de tudo. Embora suas ações também retirem de Ellie a capacidade de escolher seu próprio destino.

Em vez de ser sincero, Joel mente para Ellie, mas confessa suas ações para seu irmão, Tommy, no início do jogo “The Last of Us Part II”.

No tempo presente da sequência do jogo, Ellie (dublada por Ashley Johnson) conhece a verdade e não tem uma boa relação com Joel (dublado por Troy Baker). Logo no início do jogo, Joel morre pelas mãos de Abby (dublada por Laura Bailey), uma ex-Vagalume que mata Joel para vingar seus ex-companheiros. Em resposta, a vingança consumidora de Ellie a faz deixar a relativa segurança de Jackson, Wyoming, pelas ruas controladas pela milícia de Seattle.

Sem dúvida, a segunda temporada de The Last of Us será uma série totalmente diferente. Por exemplo, a trama de vingança de Ellie deixa pouco espaço para o retorno à narrativa da imunidade. E esse é um erro que a adaptação da HBO não pode cometer.

Jogo encerra a história de Ellie sem uma cura

The Last of Us 2 temporada jogo mudanca
Imagem: Divulgação.

Embora “The Last of Us Part II” comece com Joel confessando suas ações a Tommy, o jogo nunca realmente volta à questão da cura. Em vez disso, a revelação de Joel molda os elementos de vingança da sequência, que levam a algumas das piores cenas de Ellie no segundo jogo.

Leia também: Futuro Controverso de The Last of Us: Quem Será o Novo Protagonista?

Enquanto “The Last of Us Part II” não se concentra na narrativa da vacina, ele utiliza o incidente para aprofundar a dinâmica entre Joel e Ellie. Assim, Ellie não pode perdoar Joel – ele tirou a autonomia dela e, por extensão, o significado de sua imunidade. Ellie ainda esconde sua mordida com uma tatuagem e só conta sobre sua imunidade para sua parceira, Dina (dublada por Shannon Woodward). Tudo isso, quando é absolutamente necessário.

É possível que jogadores (e espectadores) sejam levados a pensar como Joel e Ellie. Então, os médicos dos Vagalumes eram os únicos que poderiam ter criado uma cura e, agora, não há esperança. No final do jogo, porém, Ellie descobre o paradeiro de Abby e abandona sua família – Dina e o filho delas – para confrontar Abby pela última vez. Como Joel, Ellie toma uma decisão terrível que tem um impacto duradouro.

Embora Ellie poupe a vida de Abby – uma espécie de perdão a Joel por procuração – Ellie retorna para casa e não encontra ninguém. Dessa forma, algumas propostas para a segunda temporada de The Last of Us poderiam piorar as coisas. Mas recentralizar a busca por uma cura poderia dar a Ellie um novo propósito.

Por que a segunda temporada de The Last of Us não deve abandonar a história da vacina?

The Last of Us 2 temporada jogo mudanca
Imagem: Divulgação.

“The Last of Us Part II” mantém o foco em quanto uma busca por vingança pode tirar de uma pessoa. Trocando, assim, qualquer esperança relacionada à cura por algo muito mais angustiante. A menos que um terceiro jogo da série retorne à imunidade de Ellie e à busca pela cura, não há material sobre esse assunto para a série da HBO usar. Dado que a missão da primeira temporada de Joel e Ellie gira em torno de levá-la até as pessoas que criarão a cura, seria estranho abandonar essa ideia totalmente na segunda temporada.

Ainda não está claro se a segunda temporada de The Last of Us seguirá a estrutura narrativa do segundo jogo ou se contará a história de Ellie e Joel de forma mais cronológica. Essa decisão poderia afetar muito o que o programa decide focar ou concluir.

No entanto, conforme está, seria prudente manter a busca por uma cura como objetivo eventual na série de TV. O final da primeira temporada sugere que Ellie é imune porque sua mãe grávida foi mordida. Notavelmente ausente do jogo, essa história de origem sugere uma abordagem diferente para a trama de cura/imunidade nas próximas temporadas da série da HBO.

Sobre o autor
Avatar

Matheus Pereira

Jornalista, curioso e viciado em cultura. Escreve há quase 10 anos no Mix e Six Feet Under é sua série favorita.

Baixe nosso App Oficial

Logo Mix de Séries

Aproveite todo conteúdo do Mix diretamente celular. Baixe já, é de graça!