Audiência – Análise de 07/03 a 13/03: Prodigal Son, The Outsider, The Bachelor e muito mais

Audiência, Análise de Audiência, Prodigal Son, The Bachelor, 9-1-1_ Lone Star, The Outsider

Finalmente estamos de volta depois da pausa para o Carnaval. É senso comum que o ano do brasileiro só começa após as festas de fevereiro, por isso é com grande prazer que anunciou esse retorno. Coluna completa e bastante coisa para analisar. O grande destaque desta semana não é americano, tampouco brasileiro. Mas sim francês. O que temos a ver televisão francesa? Prodigal Son estreou no país com um verdadeiro estouro. Foram mais de quatro milhões de telespectadores, um dos melhores resultados de séries americanos recentemente.

Continua após as recomendações

Além disso, também temos números grandiosos da final de temporada de The Bachelor. Com mais um final explosivo e escandaloso (a People tem um ótimo resumão aqui), o reality show atraiu sua maior audiência total em quatro anos. O que me faz lembrar que apesar da idade, o programa continua empolgando e impressionando diferentes gerações, o que é tudo o que a ABC precisa num momento de sangramento desatado em audiência. Também temos uma análise especial de The Outsider, cujos números impressionaram para os níveis da HBO. Ufa! Acha que é só?

Então, te convido para ler e lembro que estou esperando seu comentário. Afinal, é a única forma de continuarmos melhorando sempre.

Continua após a publicidade

ABC

ABC, Audiência

Imagem: Divulgação

No domingo (08), boas notícias. American Idol ficou estável com 1.3 no demográfico alvo, enquanto The Rookie não só subiu 0.1 para 0.8, como também marcou seus melhores números da série no total de telespectadores. Como de costume, a Season Finale de The Bachelor foi dividida em dois dias: segunda e terça-feira no intuito de monopolizar ainda mais no sucesso do programa.

Na primeira noite, a atração fez 2.1 no demo, uma subida de 0.3 dos números da semana anterior e 0.2 em relação a 2019. Mais tarde (e ainda na segunda-feira (09)), The Good Doctor também subiu. A série cresceu 0.1 para 0.9. Na terça-feira (10), The Bachelor se despediu, novamente, com uma reviravolta daquelas entregado gigantescos 2.4, além do episódio mais assistido do reality show em quatro anos. Mais tarde, For Life ficou estável com 0.6.

NBC

NBC, Audiência

Imagem: Divulgação

Com a apresentação de Daniel Craig, cujo objetivo era de promover a estreia de Bond 25 antes do seu adiamento, a audiência do Saturday Night Live teve uma queda no demográfico alvo. O programa registrou 1.6, uma oscilação negativa dos 1.7 da atração na semana anterior. Após uma reprise mais cedo, Little Big Shots perdeu 0.1 para 0.4 no domingo (08), ao mesmo tempo que Zoey’s Extraordinary Playlist caiu para medonhos 0.3 e Good Girls subiu para 0.5, um Season High.

Na segunda-feira (09), The Voice despencou 0.2 para 1.3 no demo, ao mesmo tempo que Manifest caiu 0.1 para 0.6. Elle’s Game of Games caiu 0.1 para 0.9, enquanto This Is Us despencou 0.3 para 1.1 em virtude da competição pelo telespectador feminino com a ABC. Encerrando a noite, New Amsterdam ficou estável com 0.7 no demográfico alvo (18-49 anos).

FOX

FOX (logo), Audiência

Imagem: Divulgação

No bloco de animações adulta de domingo (08), Os Simpsons (0.5), Bob’s Burgers (0.5) e Family Guy (0.5) caíram 0.1 em comparação com a semana anterior, enquanto Duncanville ficou estável com 0.4. A Season Finale de duas horas de duração de 9-1-1: Lone Star foi muito bem. O drama concluiu seu primeiro ano com 0.9, uma estabilidade com a semana anterior. Na noite seguinte, The Resident caiu 0.1 para 0.7, enquanto Empire ficou estável com sofridos 0.6 no demo.

CBS

Audiência, CBS (logo)

Imagem: Divulgação

No domingo (08), um resultado misto. 60 Minutes (0.8), God Friended Me (0.5) e NCIS: Los Angeles (0.6) caíram 0.1 dos números da semana anterior. Mais tarde, NCIS: New Orleans ficou estável com 0.5. Após duas semanas de folga, a grade do canal retornou na segunda-feira (09). The Neighborhood (0.9) e Bob ❤️ Abishola (0.7) ficou estável, enquanto All Rise ficou estável com 0.6, assim como Bull (0.6). Retornando depois de duas semanas de folga, toda grade caiu 0.1 em comparação com a última exibição: NCIS (1.0), FBI (0.8) e FBI: Most Wanted (0.6).

CW

CW (logo), Audiência

Imagem: Divulgação

Depois de uma semana de folga, Batwoman (0.2) e Supergirl (0.2) ficaram estáveis em comparação com suas últimas exibições. Assim como na FOX, a segunda-feira (09) trouxe alguns encerramentos para CW. All American terminou seu segundo ano com 0.2, uma queda dos 0.3 do ano anterior. Mais tarde, Black Lightning repetiu os 0.2, desta vez ficando estável com a semana anterior. The Flash caiu um pouquinho mais na terça-feira (10) ao oscilar de 0.4 para 0.3, ao mesmo tempo que DC’s Legends of Tomorrow ficou estável em 0.2.

Destaques da TV a Cabo

TV a Cabo (logo)

Imagem: Divulgação (06)

 

Say Yes To The Dress marcou uma queda no sábado (07). O reality show registrou 0.12/0.09, uma oscilação negativa dos 0.17/0.13 da semana passada. Na noite seguinte (08), The Walking Dead derreteu um pouquinho mais (-0.08) e foi para ainda bons 0.92. The Outsider, cuja performance merece uma atenção especial nesta semana, continuou crescendo. O drama subiu 0.06 em comparação com a Series High da semana passada para 0.39, um crescimento impressionante dos medianos 0.18/0.15 registrados no Series Premiere.

Ainda na HBO, Last Week Tonight caiu para 0.27, enquanto Curb Your Enthusiam ficou estável com 0.17 e Avenue 5 caiu 0.02 para 0.10. Noutro lado, a Showtime fez números medianos. Homeland ficou estável com 0.13, enquanto um excelente episódio de The Circus caiu 0.01 para 0.02. Our Cartoon President ficou estável com 0.01, ao mesmo tempo que Kidding fez 0.02 e 0.01, números incrivelmente minúsculos. Encerrando os destaques de domingo, Outlander caiu 0.03 para 0.10.

Na segunda-feira (09), Better Call Saul subiu 0.03 para 0.35. Já na HBO, o encerramento de McMillion$ caiu para 0.12.

Notas do Acúmulo:

The Bachelor: como já acontece ‘ao vivo’, a ABC dominou a audiência da noite de segunda-feira. Desta vez foi na semana de 02 de março, onde o canal liderou com folga quando divulgado os números do L+3. O reality show, que na referida data trouxe a tradicional reunião entre as mulheres já eliminadas, cresceu consideravelmente. Subiu para 2.2 no demográfico alvo, assim como totalizou 7.5 milhões de telespectadores. Além disso, a reunião se tornou a mais assistida desde 2016, assim como a de maior audiência em três anos. São 24 temporadas, mas o telespectador parece longe de estar cansado.

Jimmy Kimmel Live!: na semana de 02 de março, o talk show impressionou. Cresceu 03% em comparação com a semana anterior no total de telespectadores (1.778 milhão x 1.733 milhão), além de 06% no demográfico alvo de 18-49 anos (0.416 x 0.391). Tais números dão ao programa seus melhores resultados em 5 semanas. Outro ponto positivo: venceu o The Late Show with Stephen Colbert pela maior margem em oito semana no demo alvo (0.416 x 0.382).

Meet The Press with Chuck Todd: com o crescimento no número de casos do novo Coronavírus nos Estados Unidos, assim como o acirramento da disputa Democrata entre Bernie Sanders e Joe Biden, o programa apresentado por Chuck Todd liderou o último domingo (08) com facilidade. A atração registrou 0.85 no demográfico alvo (25-54 anos), ao mesmo tempo que atraiu 3,196 milhões de telespectadores. É importante lembrar que ainda não há números para o Face The Nation.

Internacionais

TV Internacional

Imagem: Divulgação (06)

– Europa

A situação do The Voice França é bastante complicada, para dizer o mínimo. Embora a atração tenha liderado no sábado (07), atraiu um público consideravelmente menor. Foram apenas 3.88 milhões de telespectadores, ficando mais uma vez abaixo da marca dos 04 milhões de telespectadores. Parte do mercado da Bélgica, aquela que fala francês, atraiu mais 237 mil para TF1. Já no domingo (08), o The Voice Kids Alemanha foi muito bem para a Sat.1. A atração atraiu 2.54 milhões de telespectadores, e melhor e maior audiência do canal naquele dia.

Mais uma história de sucesso no gênero de reality show. Na segunda-feira (09), o Top Chef Bélgica registrou a quarta melhor audiência de todo o dia no país. Foram 391 mil telespectadores, vencendo seu horário de exibição (das 20h22 às 22h27, pelo horário local) com folga. Na terça-feira (10), o lançamento de Prodigal Son na França foi explosivo. Exibida no país pela TF1, o drama registrou impressionantes 4.25 milhões de telespectadores, além de um share de 18.4%.

– Ásia-Pacífico

Assim como na Alemanha, The Voice Teens é ainda mais popular nas Filipinas do que a versão tradicional. Exibido no país no sábado e no domingo, o reality show registrou ótimos números em ambos os dias. Em 07 de março, o programa fez 28.8% de share, liderando o dia com facilidade. Já no dia seguinte (08), a atração ficou na vice liderança diária (e no horário) com 24.1%, perdendo para Kapuso Mo, Jessica Soho, série-documentário muito popular no país que se aproxima muito do que o Fantástico representa para os brasileiros no domingo.

Ainda no domingo (08) na Austrália, The Good Doctor ficou em 13ª lugar na audiência geral do dia ao atrair 286 mil telespectadores, números bastante modestos, mas dentro daquilo que a série costuma pontuar. Em 10º ficou Dancing with the Stars Australia com sofridos 352 mil telespectadores, com Adelaide sendo a praça mais fraca para o reality show.

– América Latina

No domingo (08), o Bake Off Argentina liderou com (muita) folga ao registrar 8.9 pontos. Já na Chile, foi o MasterChef Celebrity quem venceu a noite com honrosos 16.2 pontos sobre Yo Soy, popular atração do país exibida pela Chilevisión. The Outsider. Assim The Outsider. The Outsider. 

Análise Especial da Semana: The Outsider

The Outsider

Imagem: HBO/Divulgação

O início da nova série da HBO não poderia ter sido mais promissor. De acordo com números da Nielsen e análise do The Hollywood Reporter, foi a melhor estreia de um drama em primeira temporada desde Westworld, portanto desde 2016. Ainda segundo a revista, a série cresceu sucessivamente no decorrer dos seis dez primeiro episódios. Tal sucesso é surpreendente por uma série de motivos. O primeiro deles é que a produção não recebeu a mesma atenção da imprensa especializada, como Watchmen e Big Little Lies, mesmo sendo uma adaptação de Stephen King.

The Outsider

Imagem: HBO/Divulgação

Um dos trunfos do drama foi atrair mais telespectadores do que Lies, assim como aproximar-se do sucesso de Watchmen em todas as plataformas digitais do canal, como HBO Go, HBO Now e entre outros. Em todos os nove episódios, a atração registrou uma média de 09 milhões de telespectadores por episódio. A Season Finale do primeiro ano registrou uma audiência de 1.37 milhão de pessoas. Isso é um crescimento de 16% do outro ponto alto: 1.18 milhão de pessoas, registrados na semana anterior ao final. Com a soma das reprises, 2.2 milhões de pessoas sintonizaram no episódio.

Com todos os números contabilizados, The Outsider fica bem a frente da média de Watchmen (07 milhões de telespectadores) e de True Detective (08 milhões de telespectadores). O mais impressionante, contudo, é que a série registrou números contra grandes eventos televisivos: Super Bowl, Grammy Awards e  o Oscar. A série perdeu apenas para o segundo ano de Big Little Lies que, em média, atraiu 10 milhões de pessoas em todas as plataformas.

Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours