Crítica: 15×04 de Supernatural indicou como a série deverá acabar

Imagem de Sam no 15x04 de Supernatural

Série deu pistas de como sua jornada será finalizada

O que foi o início desse episódio de Supernatural? O quarto episódio da última temporada exibido nos EUA pela CW, “Atomic Monsters“, foi simplesmente arrasador!

Continua após a publicidade

Ver Dean caçando no bunker, encontrando o saudoso Benny, que disse que o veria do outro lado, e descobrir que  Sam era o responsável por todo aquele banho de sangue, uma vez que se tratava do Sam demônio, foi uma ótima forma de iniciar o capítulo. Principalmente, porque ele mata o Dean. Porém, logo descobrimos que foi um dos sonhos de Sam.

Eu fiquei me perguntando até que ponto isso foi apenas um sonho mesmo. Será que não foi uma visão do que está para acontecer? Pois agora que ele possui uma ligação com o Chuck, essa não pode ser uma das histórias que o Chuck escreveu? Ou não pode ser algo que aconteceu em outro mundo de Supernatural, pois com a ligação com o Todo Poderoso, Sam não pode ter acesso a fatos de outros mundos, que envolvam os Whinchesters? Muitas perguntas…

Confesso que, particularmente, gosto mais da primeira hipótese e acho que ela explicaria o fato de Andrew Debb, showrunner da série, dizer que 70% dos fãs não gostarão do final da série. Se esse fosse o caso, acredito que eu estaria no grupo dos 30% que aprovariam. E vocês?

Sam e Dean resolvem mais um caso sobrenatural

Dessa vez, eles encararam o desaparecimento de duas líderes de torcida de uma escola. Foi bem legal ver os irmãos juntos, novamente, caçando coisas e salvando pessoas. Achei um pouco triste a parte em que os irmãos descobrem quem é o vampiro que estava por trás dos crimes. Pois o próprio rapaz se entrega para Dean, aceitando o seu destino – a morte – como forma de proteger a todos da ameaça que ele se tornou e evitar que seus pais sofressem ainda mais com os seus crimes.

Tivemos um daqueles diálogos intensos entre os irmãos, em que percebemos o quanto Sam está ferido e esgotado (principalmente emocionalmente), a ponto de nem o discurso motivacional do Dean surtir efeito. Talvez essa seja uma mudança que Dean poderia sofrer, pois mesmo estando assim, Sam não desconta sua raiva ou seus problemas em ninguém.

E eu achei bem estranho o fato de que nenhum dos irmãos mencionou a partida de Castiel. Por parte de Dean, isso já era algo a se esperar, mas não achei que Sam também não falaria nada. Foi como se ninguém tivesse notado que o anjo foi embora ou, se notaram, pouco importa. Ingratidão: a gente se encontra aqui! Acho que tudo isso apenas reforça que já havia passado do tempo de Cas ir embora, mesmo.

Chuck escreve final escabroso para Supernatural

Eis que o Todo Poderoso Chuck reapareceu, após ser abandonado por Amara, na casa de Beck, que, no passado, o idolatrava. Como ele estava precisando de alguém que alimentasse seu ego, acreditou que ir até Beck era boa opção.

No entanto, o escritor se surpreendeu ao encontrar a moça, que mudara de vida e seguira seu caminho, constituindo, inclusive, uma família.  Mesmo assim, ela  (muito tonta!) tentou ajudar Chuck pedindo para que ele escreva uma mudança no seu humor. Ele o faz, mas Beck afirma que a história não tem muita graça. Expelindo ódio (até eu fiquei com medo da expressão que ele fez, na medida em que Beck foi apontando os erros da trama recém-escrita), Chuck reescreveu a história, que de acordo com a sua ex-fã número 1, era horrível e sem esperança. Fiquei louca de curiosidade para saber o que ele havia, realmente, escrito.

Para demostrar seu poder e o quanto é arrogante e egocêntrico, Chuck, então faz com que Beck desapareça.

Julguem-me, mas eu acreditei um pouco no discurso dele sobre estar perdido e sem saber o que está fazendo. Pois Sam derrubou por terra o plano dele de fugir para outro mundo, enquanto aquele se desfazia, quando apertou aquele gatilho. Como ele está incompleto, segundo a Amara, o que lhe resta fazer? Estou louca descobrir. E vocês?

Faltam apenas 16 episódios para a última estrada até aqui! Continuem lendo nossos textos semanais de Supernatural, aqui no Mix de Séries.

Nota do Episódio8.6
Review do quarto episódio da décima quinta temporada de Supernatural, da CW, intitulado Atomic Monsters.
8.6

No comments

Add yours