Crítica: 16×06 de Grey’s Anatomy celebrou Halloween de forma macabra

Halloween no episódio 16x06 de Grey's Anatomy

Série comemorou o Halloween

Quem poderia imaginar que o dia das bruxas pudesse trazer tantos momentos memoráveis em Grey’s Anatomy? Desde as excelentes fantasias (destaque para Jo), até as crises de consciência, nossa amada série nos presentou com um episódio filler delicioso de se assistir.

Continua após a publicidade

No sexto episódio da décima sexta temporada, tivemos histórias bem interessantes de acompanhar. Como por exemplo, as neuras de Teddy com o quesito fantasia e a sua descoberta de que não é a mãe do ano, que nos renderam momentos divertidos. Ainda não entendo porque os roteiristas não aproveitam mais a personagem. Ah, deve ser por causa do Owen!

Outro que não podemos nos esquecer foi o momento fofura entre DeLucca e Zola. Ele pode não ser o Derek, mas vem se saindo muito bem no papel de padrasto. Se existe alguém que se encontrou no seriado, esse alguém foi DeLucca. O romance dele com a Mer trouxe novos ares para o personagem e, desde então, ele vem amadurecendo como médico e como pessoa.

Os Karevs

Para eleger algo que eu realmente amei nesse episódio de Grey’s Anatomy, eu escolheria as cenas de Jo e Alex. Eu ainda estou em choque com a peça que ela pregou no marido e jurava que havia a possibilidade de mais um bebê nessa temporada. Até que seria legal se Jo engravidasse. Sei lá, poderia dar um novo propósito para ela e – quem sabe? – não teríamos um plot sobre depressão na gravidez. #FicaaDica

Mesmo com o susto, foi muito lindo ver os dois subindo ao altar novamente e renovando os votos. Jolex tinha me conquistado assim que surgiu em Grey’s Anatomy. Mas, no caminho, veio se degastando até ressurgir das cinzas e mostrar que ainda existe esperança.

Não sei o que o futuro espera para eles. O que eu sei e desejo é ver Alex Karev transformando o Pac North num hospital invejado. Quem sabe assim ele não mostra para Bailey o que ela perdeu ao demiti-lo?

O poder de emocionar

Falando nela, até que Bailey deu uma melhorada desde que descobriu que será mamãe pela segunda vez. Não que eu ache que os hormônios da gravidez justifiquem suas erradas decisões, como a demissão precoce de Webber e Karev. Porém, estou curtindo mais essa Bailey emotiva que chega a despejar mil e uma informações para Koracick.

Quanto à nossa musa de dar inveja a qualquer novela mexicana, Meredith Grey, eu nem sei o que falar. Essa mulher é um furacão e, por mais que seus cinco minutos na prisão tenham durado pouco, Mer ainda dará muito trabalho até reconquistar seu lugar como cirurgiã. Dizem os rumores de que ela poderá até perder a licença médica. Será? No episódio, além disso, Meredith teve contato com uma detenta que pareceu se aproveitar da médica. Ao perceber que a Dra. Grey poderia lhe tirar da prisão, Paula convenceu Meredith de que foi presa de forma injusta. Bastou isso para nossa protagonista tirar a moça da cadeia.

Muitos fãs estão suspeitando da personagem e achando que, de alguma forma, ela poderá voltar para prejudicar nossa heroína. Será? Eu ainda acredito que ela agiu muito precipitadamente ao pagar a fiança da detenta, mas quem sou eu para julgar. O que eu quero é ver Mer feliz, sendo a extraordinária médica e mulher que ela é, ao lado de alguém que a ame e seus filhos.

E parece que já encontramos o felizardo!

O que acharam deste episódio de Grey’s Anatomy? Deixem nos comentários…

Nota do Episódio9
Review do sexto episódio da décima sexta temporada de Grey's Anatomy, intitulado de "Whistlin' Past the Graveyard". Episódio foi exibido nos EUA pela ABC.
9
Avatar

Gabriella Siggia

Quem eu sou? Eu sou uma em um milhão: escritora nas horas vagas, seriadora de coração, cinemática de plantão e amante da literatura. Divertida, alto astral e bastante bem humorada. Só não achei ainda minha outra pessoa. Ah, música faz parte da minha vida.

No comments

Add yours