Crítica: 1×07 de The Resident abre os olhos de Conrad

Imagem: FOX/Divulgação

Continua após as recomendações

Agora que a cobra vai fumar.

The Elopement chegou e finalmente convenceu o Conrad que a dr.ª Hunter não presta. Vamos combinar, já estava na hora, né?! Todo mundo já tinha percebido. Mas o que  me deixa com a pulga atrás da orelha é: Como os pacientes ainda não perceberam? Acho que essa resposta é obvia. O câncer é uma doença que tira praticamente todas as suas esperanças e, quando se ouve da boca de um médico que ele pode te curar, você acaba se agarrando a isso com todas as forças.

O que eu mais gosto nessa série é que ela mostra o outro lado da medicina. Não aquelas curas milagrosas e cirurgias experimentais que as consagradas apresentam. Ela mostra o lado perigoso da medicina, onde o dinheiro é o único objetivo. Claro que também temos as pessoas boas. Aquelas que lutam com unhas e dentes, que fazem qualquer coisa para salvar uma vida. A enfermeira Nic é um exemplo. Em um país onde se vê tanta negligência, como o nosso, eu gostaria muito de ter uma enfermeira como ela cuidando de mim.

Continua após a publicidade

Acima com tudo, creio que com a união de Conrad, Nic e Parvesh as coisas vão começar a mudar. A ideia de colocar a noiva para investigar a oncologista foi uma sacada de mestre. Creio que agora a sujeira vai começar a sair debaixo do tapete.

Menção honrosa à brilhante ideia da Mina. Ela conseguiu se livrar, por cima do salto, das investidas do dr. Bell. A cena em que ela agradece aos membros do conselho pela “segunda chance” foi hilária. Melhor que isso foi a cara do Bell ao saber que não poderia usá-la para encobrir sua tremedeira. Como ele sairá dessa enrascada?

Meu crush merece uma segunda chance!

Só eu que anseio pela Nic e o Conrad juntos? Ai, como amo! Tomara que os produtores não enrolem muito nessa história. Não queremos outro casal “Bones”, né? Este sétimo episódio deixou claro que o rapaz ainda nutre um forte sentimento pela enfermeira. Foi capaz de por sua reputação em risco ao defendê-la do paciente. Falando em paciente, quem manda nudes antes mesmo de um “Oi”, gente? Pelamor né, amigo. Você não achou que ela cairia de joelhos na sua frente. Fala sério!

Fiquem então com a promo do próximo episódio e deixe em sua opinião: Até onde acreditam que vai a cara de pau desses médicos? Até semana que vem, povo!