Crítica: 6×08 de The Flash encerrou a ótima primeira metade da 6ª temporada

A primeira metade da sexta temporada de The Flash chegou em clima de season finale!

A escolha narrativa para este ano de The Flash foi o que tornou isso possível: dividir a temporada em duas partes, o antes e depois da Crise das Infinitas Terras. Colocar as duas partes de The Last Temptation of Barry Allen lado a lado pode ser um boa forma de entender a diferença entre uma premissa bem explorada e uma conclusão mal planejada. Entenda, The Flash realmente melhorou nesta temporada. Mas esta segunda parte foi decepcionante após um dos melhores episódios da série.

Continua após a publicidade

O que aconteceu?

A história que veio se construindo ao longo de sete ótimos episódios acabou por se encerrar de forma apressada. Muito do que aconteceu nesta segunda parte poderia ter sido explorado melhor em mais de um episódio. Os roteiristas não souberam aproveitar o Dark Flash e sua ameaça à Central City. Também o confronto entre Flash e Hemoglobina (Bloodwork) em sua versão final era um momento muito aguardado. O CGI pode não ter sido dos melhores e não ter ajudado tanto, mas alguns recursos já batidos na série foram escolhidos para finalizar a história de Ramsay Rosso, o que tornou o roteiro pobre.

Barry fazer com que o vilão reveja sua mãe uma última vez poderia não ter sido tão piegas caso tivesse acontecido de forma diferente. As motivações de Hemoglobina não eram particularmente fortes, mas o vilão realmente não fez nada que afetasse tão profundamente o team Flash. Quem sabe ainda voltemos a vê-lo melhor até o fim da temporada ou futuramente. Fato é que o personagem merecia mais.

Outro recurso na série que se tornou batido é o uso das brechas criadas pelo dispositivo de Cisco. Não entendo porque tiraram os poderes do personagem em The Flash, se a fórmula usada anteriormente através do herói continua assiduamente em uso. O mesmo pode-se dizer dos aparatos criados pelo personagem de última hora para tentar parar o inimigo da vez. Sejam armas ou mesmo formas de proteção como vistos no episódio. Detalhes como estes acabam por se mostrando mais como preguiça por parte dos roteiristas do que criatividade. Uma pena já que há muito o que se explorar dos quadrinhos na série.

Pré-Crise

Entretanto, o episódio teve seus bons e emocionantes momentos. A despedida de Barry e o team Flash ao final foi uma grande cena que antecede os acontecimentos vindouros. Ainda não sabemos como Barry irá sobreviver à Crise, mas esse desconhecido torna a cena crível. Também tivemos o pontapé inicial para o crossover com a cena final de Nash prestes a se tornar Pariah. Em outra cena, Allegra teve seu primeiro grande momento dentro do team Flash ao salvar a cidade dos planos de Hemoglobina. A personagem tem aos poucos ganhado seu espaço e se tornado uma boa adição ao elenco. E em se tratando de termos técnicos, o plano-sequência da fuga de Cecile e Kamilla da delegacia até que foi interessante.

No final das contas, The Last Temptation of Barry Allen, Pt. 2 foi uma midseason finale forte, mas para fechar esse arco, pareceu um pouco vazio. Teve seu lado emocional e momentos interessantes, mas a falta de riscos e a sensação de pressa o tornou uma sequência mediana para um episódio excepcional. Talvez isso tudo se compense nos episódios do grande crossover. Muito está para acontecer neste especial, mas agora cresce a curiosidade do que esperar da segunda metade desta sexta temporada de The Flash.

Crítica: The Flash encerra ótima primeira metade da temporada pré-Crise

Imagem: The CW/Divulgação

CURIOSIDADES:

– A transformação de Hemoglobina neste episódio foi bem similar a aparência do vilão nos quadrinhos.

– Cisco chama Barry infectado de “Dark Flash”, que é baseado em sua contraparte “Negative Flash” nos quadrinhos.

– O Protocolo Babel criado por Cisco para proteger S.T.A.R. Labs do Flash caso venha a se virar contra eles é uma referência à Liga da Justiça: Torre de Babel. Neste arco dos quadrinhos, Batman cria planos de contingência contra a Liga da Justiça que estava se virando contra ele.

– Íris quase foi morta por Barry neste episódio de forma bem similar a sua morte nos quadrinhos. Na fase pré-Crise nas Infinitas Terras, Professor Zoom a mata vibrando sua mão em sua cabeça.

cw

Nota do Episódio8
Review do oitavo episódio e midseason finale da sexta temporada de The Flash, da The CW, intitulado "The Last Temptation of Barry Allen, Pt. 2"
8
Tags The Flash
Avatar

Álefe Cintra

Jornalista e apaixonado por séries. Tem a mesma profissão de Clark Kent, usa óculos parecido, mas infelizmente não é super-herói. Grande fã de séries de super-heróis e fantasia. No Mix de Séries escreve as reviews de Arrow e The Flash.

No comments

Add yours