Crítica: 8×02 de The Blacklist trouxe “desfecho” para história?

A Verdade chegou em The Blacklist? 

Alerta de SPOILER: se você ainda não assistiu o segundo episódio da oitava temporada de The Blacklist, tome cuidado, pois essa crítica faz revelações chocantes sobre a trama principal!

Continua após as recomendações

Fazia tempo que The Blacklist não vinha com um episódio tão bom assim – considerando todas revelações que aconteceram. Porém, as coisas ainda são uma grande incógnita. Mesmo após termos algumas “respostas”, nada foi concreto, de fato. Aliás, tudo ainda está se tratando de uma grande suposição. Os roteiros ainda deixaram muitas coisas em aberto, dando a entender que tem muita história pela frente.

Caçada

Logo após o sequestro de Dom, Raymond imediatamente começa uma busca, indo atrás de todos que possam saber de algo. Porém, já sem mais pistas, ele decide ir buscar ajuda no FBI, que também está procura de Elizabeth e Dom. Mas ele acaba ouvindo um não. Assim, sem mais opções, ele coloca um rastreador no agente Ressler, que logo mais tarde acaba dando uma pista sobre o paradeiro da agente Keen, levando a sua captura.

Continua após a publicidade

Em busca da verdade

Enquanto Red e a força tarefa estão à procura da Elizabeth, ela começa a pressionar Dom pela verdade. Enquanto isso, Katarina se esconde e assiste tudo de perto. Sem conseguir tirar nada de Dom, Liz questiona sua mãe se aquilo que elas estavam fazendo era o correto, e propõem que elas libertassem ele, o que acabou deixando o clima bem pesado entre mãe e filha.

Depois que Liz sai do esconderijo para se encontrar com Ressler e é capturada, Katarina assume o interrogatório, e Dom se mostra firme no começo. Mas ele começa ter alucinações e acaba “revelando” muitas coisas. De fato não ficou explícito na cena o que era o arquivo Sikorsky, já que Dom disse para Katarina que ela e Red tem o arquivo. Cada vez mais as minhas teorias aumentam para que Elizabeth seja, na verdade, o arquivo Sikorsky. Dom também revela que Raymond seria o agente N-13.

Depois que Raymond consegue capturar Elizabeth, ele vai atrás de Dom e Katarina no armazém. Porém, chegando lá, Katarine já tinha conseguido fugir, só restando Dom em seus últimos momentos de vida. Antes de morrer, Dom diz para Raymond que contou tudo a Katarina. Raymond, se vendo sem opções novamente, decide que é hora de matar Katarina de uma vez por todas.

Katarina está morta!

É isso mesmo. Depois de anos, Raymond finalmente conseguiu matar Katarina. Depois que ela descobre que Raymond é o agente N-13, ela liga para Heidegger – o homem que colocou sua cabeça a prêmio. Ela faz um acordo com Heidegger, de dar a verdadeira identidade do agente N-13 e limpar seu nome. Contudo, Raymond chega até Heidegger primeiro, levando Katarina direto para uma armadilha.

E em uma cena chocante, Raymond dispara várias vezes contra Katarina em um parque. Para melhorar as coisas, Liz vê tudo de perto, entrando em desespero e jurando vingança a Red. Depois que Raymond atira contra Katarina, seus homens vêm, pegam seu corpo e limpam toda a cena muito rápido, deixando Elizabeth aos prantos no chão.

Crítica: 8x02 de The Blacklist trouxe "desfecho" para história?

Imagem: Divulgação

Vingança

Bem, é isso que podemos esperar para os próximos episódios, já que na promo do terceiro, vemos Elizabeth indo atrás de Raymond, para fazer ele pagar pela morte de sua mãe. Lembrando que o terceiro episódio da oitava temporada só será exibido em janeiro nos Estados Unidos. Até lá vamos ter que fica somente nas teorias e aguardar o desfecho dessa história.

E você, o que achou deste episódio? Deixe nos comentários e continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.
Nota do episódio 9.7
Crítica do segundo episódio da oitava temporada de The Blacklist, intitulado "Katarina Rostova: Conclusion", exibido nos EUA pela NBC.
9.7