Crítica: Atriz Tracy Spiridakos provou seu lugar em Chicago PD 5×18

Imagem: NBC/Divulgação

Continua após as recomendações

Hailey ganhou seu episódio e Tracy não perdeu a chance.

Eu gosto de Tracy desde Revolution que flopou fortemente apesar da boa premissa quase Walking Dead. E ela entrou em PD sem pretensão, mas quando Sophia saiu, ela teve que assumir seu lugar. Lugar esse que que lhe dava uma bagagem pesada de carregar.

Isso porque Sophia era a queridinha, que todos estavam saudosos desde OTH. Normalmente isso já é motivo suficiente para ninguém dar crédito para a garota.

Continua após a publicidade

Apesar de seu papel introspectivo, ela consegue colocar emoção e vontade em cena. Presente, passado e futuro nos apresentaram essa mulher e nos deixou imaginando, e agora? O climão entre Voight e Olinsky se dissipou um pouco. Isso facilitou Upton brilhar. Uma prisão sobre drogas trouxe um morto, que ela conhecia da sua época undercover. Titus como Booth é lindamente assustador.

Contudo, sempre quando Jay se mete nas paradas dos outros, algo dá errado. Ele foi atrás de um antigo colega de Hailey, e ele acaba com fotos dela toda machucada. Booth queria mais do que o serviço dela, e uma festa acabou dando errado. Jay apareceu como Ryan, para ficar mais perto, mas Booth não gostou nada do novo possível affair da garota, que ele conhecia como Kelly.

Ciúmes. Nunca dá certo! Voight termina a operação, muito envolvimento pessoal que deveria ficar escondido. Quando ele toma uma atitude assim, sabemos que é sério. Mas Upton, pela primeiríssima vez saiu das regras, OLHA ELA! Umas das melhores cenas da temporada é ela atrás de Booth e depois batendo a vida pra fora dele, apontando a arma na cara dele, pronta para tudo. Queria que ele admitisse a morte do parceiro antigo dela. Nada, e a mulher ficou furiosa, se não fosse Jay chegar, caramba.

Resultado, agora sabemos que ela não é tão perfeita, que tem pontos fracos, mais uma humana no time.

Também nos elucidou um pouco do comportamento dela quando chegou, de algumas decisões feitas por ela e explora um pouco a possível relação dela com Jay. Vai continuar parceria ou virará romance? Não sabemos.

Bom episódio, com alguns pontos altos.