Crítica: Timeless entra em alta velocidade com o incrível episódio 2×02

Imagem: Divulgação/NBC
Imagem: Divulgação/NBC

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

Mais uma história incrível para o rol de acontecimentos de Timeless. A série fica cada vez melhor e mais interessante!

Sabe aquele capítulo de Bonnie e Clyde, o melhor da primeira temporada? Então, vimos em The Darlington 500 uma incrível semelhança. Que “epidiosão”! Tudo foi muito bom! Até mesmo deixar a conspiração Rittenhouse de lado e o “probleminha” da Jiya foram ideias boas para esse 2×02. A dosagem foi perfeita e resultou em uma das melhores histórias da série.

Continua após a publicidade

O cenário escolhido foi o distrito de Darlington, na Carolina do Sul. Estamos falando de 14 de setembro de 1955, data em que nada de importante estava no calendário mundial. Só que aí Rittenhouse acha que era uma boa maneira de conquistar mercado é acabar com a concorrência automobilística da época. Dessa forma, são inseridas as figuras dos competidores Ryan e Bobby. Escolhas super adequadas!

Continua após publicidade

Neste ponto, vimos mais uma figura da organização em um dilema. Ryan, agora casado e com um filho a chegar, tem de decidir entre se matar e mudar a história, ou ficar com sua amada e filho. Neste ponto, e quem sabe foi mesmo melhor assim, Wyatt resolveu o dilema. Ryan acaba morto, não pela bomba que deveria explodir, mas pelo ex-soldado, agora também ex-traficante. Tudo em uma corrida alucinante e que, meus amigos, dá vontade de colocar no replay.

Quanto ao ano de 2018 não temos grandes novidades. Jiya, que sabíamos ter vislumbres do passado, agora também, ao que parece, vê o futuro. Garcia Flyyn, vilão-herói da primeira temporada, agora mostra que pode ser muito útil. Graças a ele e uma conversa “sensata”, o dia foi salvo. Porém, como ele mesmo disse, essa ajuda não será sempre de graça. E Maison, em contrapartida, teve seu dia destruído pela agente Christopher. E é claro que isso não ficará impune.

Continua após publicidade

Por falar em vilões, uma coisa é certa: Emma é top demais!

Essa sim é uma daquelas vilãs que nos dão vontade de ver em tela. Ela tem o sangue frio necessário, o olhar perdido na maldade e uma crença. São elementos fundamentais para que haja repulsa, medo e admiração pelo personagem. Dela só posso dizer que deveria ter sido inserida antes na série.

Clima de amor verdadeiro no ar… e que delícia de ver!

Lucy e Wyatt estão cada vez mais próximos de ter algo mais sério. E isso demorou para acontecer, uma vez que vimos que ele desistiu da busca pela ex-esposa e Lucy meio que está conformada com o desaparecimento da irmã. Bom, pelo menos esses dois eram temas centrais que sumiram de discussão há muito tempo. Então que venha amor, amor e mais amor!

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

TIMELESS <3: Que trilha sonora meus amigos. Só amor pelas pessoas responsáveis!
TIMELESS <3: O nome do carro do Ryan era Lucile…. Ahhhhhhhhh, sim, eu peguei esse detalhe incrível no carro e quase uma lágrima escapa dos meus olhos…
TIMELESS <3: O ritmo de acontecimentos bons está tão bom, que se for um sonho, peço que ninguém me acorde, por favor.