How I Met Your Father tenta reviver fórmula e sofre | Crítica

Spin-off de How I Met Your Mother chega para público com alguns anos de atraso e divide opiniões.

How I Met Your Father Critica
Continua após publicidade

Fazer um reboot é difícil. Qualquer spin-off lançado hoje em dia, mais do que nunca, precisa continuar o legado já estabelecido, enquanto cria algo completamente novo. Isso tudo fica ainda mais complicado quando o spin-off em questão perdeu seu timing original e pode parecer algo desnecessário até para os fãs. Esse é o caso de How I Met Your Father, série lançada recentemente e que já divide opiniões de quem a assiste.

Continua após publicidade

Precisava mesmo de How I Met Your Father?

Quando a série-mãe How I Met Your Mother estreou, lá em 2005, fazia sentido usar o estilo das comédias tradicionais, mesmo sendo gravada num estúdio sem plateia. Não só fazia sentido como era bem inteligente, usando um gênero conhecido do público e o parodiando de certa forma, usando recursos não antes vistos naquele tipo de série, como a edição mais não-linear. A nova série não goza desse privilégio.

How I Met Your Father Critica
Imagem: Divulgação.

Além disso, passados quase oito anos do fim de HIMYM, há debates sobre a necessidade de uma nova versão da série ou uma continuação. Sim, os fãs estavam bem animados na época, mas ainda faz sentido hoje? A resposta é: depende. Depende de como tudo isso é atualizado. Aqui em How I Met Your Father, parece que algumas escolhas foram bem infelizes.

Continua após publicidade
Continua após publicidade

O que prendia o novo seriado ao estilo das comédias tradicionais? Nada, mesmo assim ele insiste. Assim, mesmo assistindo algo de 2022, parece sempre que vemos algo do passado e que tenta parecer atual forçadamente.

Leia também: How I Met Your Father revela conexão com How I Met Your Mother

Piadas com o Tinder e vídeos virais na internet parecem ser aquela velha piscada de olho dos produtores dizendo, “eu entendo vocês, jovens”, e nada disso agrega tanto quanto poderia. Por isso, é compreensível o número de críticas negativas que a série vem recebendo desde a estreia. Mas não, nem só de coisas ruins se vive um revival.

Continua após publicidade

Os personagens de How I Met Your Father

O elenco de How I Met Your Father funciona. Isso é essencial para qualquer série sonhar em dar certo. Aqui, todos os envolvidos parecem querer muito estar ali. Aqui, a série consegue evitar um erro comum em revitalizações como essa: traçar paralelos com os personagens antigos.

Continua após publicidade

Leia também: O real motivo que fez Kreese permitir Kenny no Cobra Kai

Na série original, cada personagem tem uma personalidade exagerada que se encaixa em algum estereótipo. Na nova versão, cada um tem um traço próprio sem deixar nada pendente com o que já passou.

Continua após publicidade

Mesmo individualmente cada ator estando dedicado para a série, a química entre personagens deixa a desejar. A série propõe de cara uma subversão do mistério em HIMYM e já estabelece que o “pai” do título é um dos homens da série. Mesmo assim, a personagem principal de Hillary Duff não tem química boa – por enquanto – com nenhum deles. Nem de amizade, nem de romance e nem com o suposto casal que a série tenta emplacar de cara.

Continua após publicidade
How I Met Your Father Critica
Imagem: Divulgação.

Mas e as risadas?

Mas, oras, a série é uma comédia. Então, dá para rir? Bem, depende novamente. O humor presente aqui é inocente, no sentido menos ofensivo da palavra. Ele não tenta fazer críticas ácidas, nem piadas bem elaboradas. Ele quer o riso inofensivo, ingênuo. Mas, como sabemos bem, fazer isso é difícil.

Continua após publicidade

Não há nada mais complexo do que o despretensioso. Sendo assim, não é impossível rir com as situações apresentadas, mas é preciso sim estar bem disposto à isso. Exige! 

Novamente mostrando a limitação da fórmula, How I Met Your Father não precisava usar os clássicos enlatados das comédias de plateia. Aquele episódio em que os amigos se encontram num lugar só, aquele episódio em que todos vão para a balada, isso fazia sentido numa série de 20 episódios gravada em estúdio tentando replicar uma sitcom clássica. Em 2022, numa série de streaming, nem tanto.   

E essa é a história de como revivemos uma série em 2022

Muitos vão assistir à How I Met Your Father com um olhar nostálgico de quem foi muito tocado pela série original. Outros irão assistir apenas para falar mal. Eu me encontro no primeiro grupo. Assim sendo, tentei aproveitar o máximo da experiência e vi que é possível sim. Não é a série que vai fazer o público semanalmente procurar novos episódios, o que pode ser um problema, mas rende uma maratona bobinha em alguns meses. 

Com personagens carismáticos, atores interessados e uma fanbase pronta para assistir o que for produzido, HIMYF pode dar certo se apenas se desapegar do passado e realmente encarar o futuro. Exige coragem para não repetir os sensos comuns e tocar o de sempre, mas é possível. Como telespectador, apenas espero.

No Brasil, a série estreia em 09 de março pelo streaming Star+.

Nota: 3.5/5

Pernambucano estudante de jornalismo. Apaixonado por séries desde sempre, aprendeu inglês maratonando How I Met Your Mother. Viajou por mundos e pelo tempo com o Doutor e nunca consegue dispensar uma maratona de Friends. Não vale esquecer a primeira maratona de séries com A Grande Família!