Leaving Neverland vence o Emmy 2019 e Netflix domina categorias técnicas

Leaving Neverland vence o Emmy 2019 e Netflix domina categorias técnicas

Prêmios técnicos do Emmy começaram a ser revelados

O Emmy 2019 acontece de fato apenas no próximo domingo (22), mas os prêmios técnicos já começaram a ser revelados. Na noite deste sábado (14) uma primeira leva dos vencedores foi anunciada no Microsoft Theater, em Los Angeles. As revelações acontecem sempre na semana que antecede as categorias principais, sendo reveladas em duas noites.

Na primeira parte, quem se deu melhor foi a Netflix, que venceu um grande número de categorias. No entanto, o documentário de Michael Jackson exibido pela HBO, Leaving Neverland, foi o grande vencedor da noite, desbancando o documentário de Beyoncé. Além disso, Nosso Planeta – da Netflix – venceu como “Melhor Série Documental”, enquanto The Simpsons venceu como “Melhor Série Animada”.

Confira alguns dos vencedores.

MELHOR APRESENTADOR DE REALITY SHOW

RuPaul, RuPaul’s Drag Race (VH1)

MELHOR SÉRIE DE ANIMAÇÃO

The Simpsons (Fox)

MELHOR DIREÇÃO PARA DOCUMENTÁRIO DE NÃO-FICÇÃO

Free Solo (Nat Geo)

MELHOR ELENCO DE REALITY SHOW

Queer Eye (Netflix)

MELHOR SÉRIE DOCUMENTAL

Our Planet (Netflix)

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Leaving Neverland (HBO)

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL PARA SÉRIE DE TV

“Anti-Depressants Are So Not a Big Deal”, Crazy Ex-Girlfriend (The CW)

MELHOR SÉRIE ANIMADA DE CURTO FORMATO

Love, Death & Robots (Netflix)

Além disso, completo. Todavia, palavras. Entretanto, necessárias. Bem como, verdes.

A lista completa da primeira noite de vencedores você confere aqui. Neste domingo, mais vencedores serão revelados, portanto fique ligado aqui no Mix de Séries para a cobertura do Emmy.

 

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.

No comments

Add yours