Peaky Blinders, 6ª temporada na Netflix: guia completo e o que saber

O que você precisa saber sobre a 6ª temporada de Peaky Blinders e curiosidades.

Peaky Blinders 6 temporada

Peaky Blinders estreia sua 6ª e última temporada na Netflix no dia 10 de junho de 2022. Sem dúvidas, foi um passeio e tanto, para os fãs da gangue mais famosa do mundo das séries.

Continua após publicidade

Mas o que é preciso saber sobre a 6ª temporada? Quais as curiosidades e informações? Trazemos um guia completo do que saber sobre a 6ª temporada de Peaky Blinders.

Quantos episódios tem a 6ª temporada de Peaky Blinders?

Peaky Blinders manteve uma constante durante suas seis temporadas. Dessa forma, assim como as anteriores, a sexta temporada contém seis episódios. Então, eis as durações e número dos episódios.

Continua após publicidade
  • 1º episódio: “Black Day”, duração, 58 minutos.
  • 2º episódio: “Black Shirt”, duração, 59 minutos.
  • 3º episódio: “Gold”, duração, 55 minutos.
  • 4º episódio: “Sapphire”, duração, 58 minutos.
  • 5º episódio: “The Road to Hell”, duração, 59 minutos.
  • 6º episódio: “Lock and Key”, duração, 1h21 minutos.
Peaky Blinders 6 temporada
Imagem: Divulgação.

Vai ter mais Peaky Blinders depois da 6ª temporada?

Sim. O criador de Peaky Blinders, Steven Knight, confirmou que produzirá um filme que servirá como o “desfecho real” da história, se passando depois dos eventos do último episódio.

Leia também: As 11 melhores séries de gangues e máfia da TV

No entanto, ainda não há um cronograma de produção, nem previsão da data de estreia.

Curiosidades da 6ª temporada: a história real do primeiro episódio

A partir daqui, possíveis – e pequenos – spoilers, do primeiro episódio.

Continua após publicidade

Por que o IRA precisava de Oswald Mosley vivo? Presumivelmente por causa de suas visões nacionalistas compartilhadas. Oswald Mosley era um crítico parlamentar do uso de Lloyd George da violenta polícia Black and Tan na Irlanda dos anos 1920, e renunciou ao Partido Conservador em parte por causa do assunto. Ele aparece como citação no The Dublin Review como “um famoso amigo do nacionalismo irlandês” e mais tarde se estabeleceu no Condado de Galway.

Leia também: As séries mais assistidas de 2022, Bridgerton, Grey’s Anatomy e mais

Além disso, em 5 de dezembro de 1933 foi a data em que a proibição terminou nos EUA, um “dia negro” para as ilhas de Miquelon e Saint Pierre. Steven Knight disse ao Den of Geek: “O que eu normalmente faço é olhar para uma data ou olhar para o salto [no tempo] e ver em que ano estamos e depois tentar não ir para onde seria esperado. Aconteceu que por volta dessa data acabou a proibição, então eu queria estar no lugar onde o fim da proibição era a pior notícia possível, que era Miquelon e Saint Pierre, as duas ilhas que basicamente fizeram fortuna com a proibição.”.

Descobrimos que a personagem de Anya Taylor-Joy, Gina Gray, faz parte de uma influente família americana liderada por seu tio Jack Nelson, um personagem fictício inspirado em parte pelo empresário, político e patriarca de Boston da vida real, Joseph P. Kennedy Sr., um pai de nove crianças, incluindo o presidente norte-americano assassinado John F. Kennedy e o senador norte-americano Bobby Kennedy.

Continua após publicidade
Peaky Blinders
Imagem: Divulgação.

Locações do primeiro episódio da 6ª temporada de Peaky Blinders

Casa de Tommy – Arley Hall & Gardens, Arley, Cheshire

O episódio começa nos jardins da mansão de Tommy (extorquida na terceira temporada de um membro da pequena nobreza com dívidas de jogo com os Peaky Blinders), filmado em Arley Hall em Arley, Cheshire. Essa, portanto, é uma casa senhorial listada como Grade II que foi construída na primeira metade do século XIX e atualmente abriga o Visconde Ashbrook e sua família. Você pode visitar aqui. Além disso, as cenas posteriores de Lizzie, Ada, Arthur e as crianças também foram amplamente filmadas nos interiores de painéis de madeira do Arley Hall.

Imagem: Divulgação.

Ilha Miquelon – Porto de Portsoy, Escócia

O encontro de Tommy com Michael e seus associados de Boston o leva à Ilha Miquelon, na época um posto avançado colonial francês localizado ao largo da costa de Newfoundland, na costa leste do Canadá. (Um local apropriado como o nome Miquelon é pensado para ter derivado de ‘Michael’ na língua basca.) Durante a proibição dos EUA, estando fora da jurisdição canadense e dos EUA, no entanto, o arquipélago de Miquelon e St Pierre tornaram-se centros para a distribuição de álcool importado para as cidades americanas.

As cenas do porto francês foram filmadas em Portsoy, na Escócia. Dessa forma, a vila portuária em Moray Forth tem um porto do século XVII e as filmagens ocorreram lá em fevereiro de 2021.

Leia também: O final de Peaky Blinders e quando estreia o filme

O Shore Inn em Portsoy também foi transformado no Hotel Lalanne, o nome de um verdadeiro hotel histórico localizado na vizinha ilha de Saint Pierre. Os edifícios, então, foram revestidos com revestimento de madeira e os sinais de época foram pintados. Outros locais de Portsoy estavam vestidos como armazéns, a delegacia de polícia e o Hotel Robert, o local infestado de pombos do encontro de Tommy e Michael.

Chinatown – Castlefield, Manchester

O antro de ópio do Chinatown Café Han Chang, onde Ada encontra Arthur, foi um cenário personalizado em Castlefield, Manchester.

Norfolk Prison Yard – Portsoy, Escócia

Portsoy Harbour, na Escócia, também forneceu o local para a Prisão de Norfolk em Boston, EUA, onde Michael conheceu Tommy na cena final do primeiro episódio.

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.