Spoiler, Spoiler Alert, New Amsterdam, Homeland, Suits, Good Trouble

Spoiler Alert: Confira os principais spoilers da semana nas séries de TV

Spoiler, Spoiler Alert, New Amsterdam, Homeland, Suits, Good Trouble

Imagem: NBC/Divulgação; Showtime/Divulgação; Freeform/Divulgação; USA Network/Divulgação

Good Trouble, Homeland, New Amsterdam e muito mais

Eu tenho que confessar uma coisa muita séria para vocês, queridos leitores desta coluna: eu subestimei a primeira semana de 2019. Isso porque eu esperei que seriam sete dias tranquilos e pouco movimentados. Grande engano. Temos muitas novidades para vocês sobre Good TroubleHomelandBrooklyn Nine-Nine e muito mais. Séries adorados pelo público e outras mais alternativas. Além disso, temos as tradicionais idas e vindas dos elencos. Assim como o trailer da semana que, sinceramente, é fascinante.

Masters of Sex

Quando a Freeform anunciou que The Fosters chegaria ao fim, acreditou-se que a série tinha cumprido seu papel. Boa trajetória, audiência acima da média e assuntos sociais importantes tratados. Contudo, o canal tinha outros planos: produzir uma série que falasse com seu telespectador da geração Z e preocupado com o mundo a sua volta. Foi aí que nasceu Good Trouble, que seguirá exatamente essa proposta de dialogar com uma audiência mais “crescida”.

Por isso, a produtora executiva Joanna Johnson garante que uma das novidades é a maior quantidade de sexo. “Essas garotas já são sexualmente ativsas, e elas estão evoluindo com suas sexualidades assim como sua sensualidade. É uma parte excitante nas suas vidas, porque não estão mais naquele momento ruim do ensino médio. Não é mais sobre perder a virgindade. Elas sabem o que querem, têm experiência sexual e não vão pedir desculpas por ser quem são,” disse.

Do Afeganistão, Com Amor

Um dos finais mais aguardados para 2019 é, pelo menos na visão deste que vos escreve, é o de Homeland. Uma série que apesar da idade, continua sendo extremamente relevante em tempos de infinita guerra ao terror. A boa notícia é que para seu ano derradeiro, o drama continuará mudando. Em todos os sentidos. De acordo com o TV Line, a última temporada será ambientada no Afeganistão embora filmada no Marrocos.

Já em conversa com a Entertainment Weekly, o showrunner, Alex Gansa prometeu mais emoção para os episódios finais. “A sétima temporada arranjou todas as peças no tabuleiro para que pudéssemos fazer um final adequado para história que estamos contando,” disse. “Temos que impressionar em todos os sentidos e entregar mais coração nesse último ano,” completou o produtor.

Antes da despedida

Para os (poucos) leitores que assistirão a temporada final de You’re the Worst, o criador, Stephen Falk, garantiu em entrevista à Variety que eles ainda planejam desenvolver algumas histórias que ficaram para traz nos últimos quatro anos. “Nós queríamos manter o momento do planejamento do casamento para que a força continuasse imperando durante toda a temporada,” conta.

Falk ainda sinaliza que as perguntas centrais para o último ano serão: será que o casamento vai realmente acontecer ou vai tudo acabar antes de chegarmos lá? E ir ainda mais fundo, porque o que “profundo” significa? Se você aceita o pedido de casamento, isso significa um comprometimento maior do que qualquer coisa?,” diz.

Outros elementos importantes antes do final será explorar o relacionamento entre Gretchen com sua mãe (Rebecca Tilney), assim como a relação entre outros personagens.

Segura o choro

Em conversa com o The New York Times no último final de semana, Chelsea Peretti (a Gina) deu algumas dicar do que podemos esperar da despedida da sua personagem de Brooklyn Nine-Nine. De acordo com a atriz, ninguém sabe ao certo exatamente quando o episódio será exibido, mas ressaltou que sua saída não é definitiva. “Eu devo retornar em algum momento. Não é uma porta que se fecha,” disse.

Questionada sobre a possibilidade do telespectador emocionar-se com a despedida, a atriz afirmou que ela mesma não segurou o choro num determinado momento. “Eu e o Andy [Samberg] não conversamos sobre o que estava acontecendo pessoalmente, então eu sinto que processei os sentimentos no decorrer das gravações. Foi tudo muito intenso,” disse. Definitivamente foi lindamente esquisito.

A vida como ela é

Numa entrevista super bem animada para o The Hollywood Reporter, Ryan Eggold comentou os rumos criativos de New Amsterdam e o que esperar do momento difícil do seu personagem. O ator conta que eles pretendem tratar a doença da forma mais realista possível, não só porque a série é baseada numa história real, mas também para fazer justiça com todos aqueles que já enfrentaram um câncer.

“É difícil porque você quer falar sobre câncer de uma forma realista, o mais verossímil possível numa série da televisão aberta. Contudo, não pode ser depressivo semanalmente porque é uma doença tão opressora e pesada. Mas seria importante ter um programa que mostrasse um pouco da realidade do que o tratamento é de verdade,” disse o ator.

Spoiler Bônus

Mesmo que você não esteja em dia com Suits (como é vergonhosamente o caso deste que vos escreve), deve saber que, por motivos óbvios, Meghan Markle não faz mais parte do elenco. Contudo, mesmo com a vida ocupada e a maternidade batendo na porta, não descarta-se um eventual retorno da atriz à série que lhe tornou famosa.

De acordo com uma reportagem do Daily Mail, a NBCUniversal, dona da USA Network, estaria disposta a pagar uma grande quantia para uma caridade de escolha de Markle para que ela possa fazer uma pequena no futuro.

“Nós poderíamos fazer em menos de um dia,” disse uma das fontes ouvidas pelo tablóide. “Eu fiquei sabendo que a oferta gira em torno de dois a seis milhões, o que pode parecer muito. Mas seria um dos maiores golpes de marketing da história da televisão,” concluiu a fonte.

Quem entra e quem sai

Supernatural: para o episódio especial de número 300, a lôngeva série da CW trará outro personagem de volta dos mortos. De acordo com a Entertainment Weekly, Kurt Fuller retornará para interpretar Zachariah, um anjo do alto escalão. Ele foi visto pela última vez na quinta temporada quando foi morto por Dean. Então como será esse grande retorno? Teremos que assistir  para descobrir.

Saturday Night Live: fresca de mais uma vitória no Globo de Ouro, Rachel Brosnahan fará sua estreia como apresentadora do programa de sketches. Ela ficará responsável pelo comando da atração no sábado, 19 de janeiro, quando a mesma retornar da sua folga de final de ano.

NYPD Blue: o piloto descrito como uma sequência da clássica série exibida de 1993 até 2005, terá dois nomes conhecidos no seu elenco. Kim Delaney e Bill Brochtrup que interpretaram, respectivamente, Det e John Irvin, foram confirmados pela ABC no piloto que a emissora desenvolve com olho para 2019/2020.

Hightown: James Badge Dale foi escalado como o protagonista masculino da nova série dramática do Starz. Ele atuará ao lado de Monica Raymund, no primeiro grande trabalho da atriz após sua saída de Chicago Fire. Ele interpretará o detetive Ray Abruzzo, um policial do estado de Massachusetts que é incumbido de comandar a força tarefa Cape Cod Drug, de combate ao tráfico de drogas.

Curb Your Enthusiasm: Saverio Guerra foi confirmado para retornar como Mocha Jo na décima temporada da comédia. Ainda não está claro o número de episódios que ele aparecerá, mas vale lembrar que no mais recente ano da série ele foi visto em apenas dois e ainda como o entregador de café. A produção já começou, mas ainda sem data de estreia.

Trailer da Semana: Lorena

O trailer da semana é bastante interessante e mais uma amostra do quanto os serviços de streaming devem investir em séries-documentários. Entitulado de Lorena, essa história é uma fascinante história real de Lorena Bobbitt. De acordo com a Cosmopolitan, em 1993 Lorena Bobbitt se tornou protagonista de um escândalo que fisgou grande parte dos Estados Unidos. Quase trinta anos após o caso, a produção vai mostrar o que mudou; a forma na qual os crimes foram reportados à época pela imprensa e muito mais. A estreia acontece em 15 de fevereiro.

Share this post

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.