As séries que fazem pensar fora da caixa

Imagem: Showtime/Divulgação.

Existem séries que nos tiram da zona de conforto…

Sempre é ótimo assistir FriendsThe Office e outras séries clássicas que permitem esquecer dos problemas por um tempo enquanto revemos histórias dos nossos personagens favoritos.

Apesar disso, também é incrível descobrir novos programas que nos tiram da zona de conforto e expandem a nossa mente. Por isso, o Mix de Séries separou algumas séries que fazem pensar fora da caixa.

 

Billions

Imagem:Showtime/Divulgação

Continua após a publicidade

Criado por Brian Koppelman (O Júri e Conduta de Risco), David Levien (O Júri) e Andrew Ross Sorkin, Billions é uma das séries mais inteligentes, criativas e envolventes da história da televisão.

O grande atrativo é o confronto entre Bobby Axelrod (Damian Lewis) e Chuck Rhoades (Paul Giamatti). Eles são, respectivamente, um bilionário gerente de fundos de hedge e um promotor disposto a tudo para prendê-lo. Além disso, desde o primeiro episódio, é demonstrado que os dois personagens principais são titãs em suas respectivas áreas. Bem como, fazem de tudo ao seu alcance para vencer o oponente que estão enfrentando. Portanto, espere por confrontos épicos a todo momento.

O melhor de tudo é que todos os movimentos dos personagens envolvidos são baseados em Teoria dos Jogos e as consequências de suas ações estão diretamente relacionadas a quão bem (ou mal) eles entendem essa importante teoria econômica.

Poucos episódios são melhores em demonstrar o microcosmo da teoria dos jogos quanto aquele em que os personagens disputam um torneio de poker. Além de acabar com alguns dos principais mitos relacionados ao esporte das cartas, esse capítulo mostra como essa modalidade pode proporcionar momentos incríveis.

A forma como Taylor Mason (Asia Kate Dillon) baseia-se em análise psicológica, teoria dos jogos e outras táticas para enfrentar o gerente de fundos rival Todd Krakow (Danny Strong) em nome de Axelrod é uma das cenas mais magistrais já filmadas. Portanto, merece ser vista sem spoilers por todos os interessados em pensar fora da caixa.

Até o momento a série conta com quatro temporadas e não tem previsão de acabar. Todos os episódios já estão disponíveis na Netflix.

Community

Imagem: NBCUniversal/Divulgação

Criado pelas mentes brilhantes dos irmãos Russo (Capitão América: Soldado Invernal, Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato) e Dan Harmon (Rick and Morty), Community é uma das séries mais difíceis de categorizar.

O programa é ao mesmo tempo um sitcom clássico sobre as aventuras e desventuras de um grupo diverso de conhecidos que está cursando uma faculdade comunitária (daí o nome “Community). Bem como, um meta-show sobre as fórmulas de sitcoms e muito mais.

O elenco conta com uma diversidade impressionante de etnias, idades e origens diferentes. Isso traz visões de mundos díspares para a tela e algumas das interações sociais mais engraçadas e inesperadas da história.

Há desde jovens nerds que mal entraram na universidade, até senhores idosos que conhecem quase tudo que a vida pode oferecer. Mas que percebem, ao longo das temporadas, que possuem muito mais em comum do que imaginavam à primeira vista.

O roteiro é tão afiado quanto o timing das piadas, que, assim como clássicos como Arrested Development, contam com setups que podem levar temporadas inteiras para aparecer e recompensam os espectadores que prestam atenção. A série conta com seis temporadas e pode ser assistida em uma grande maratona de fim de semana no Amazon Prime.

The Good Place

Imagem: NBC/Divulgação.

Existem muitas séries incríveis ignoradas na Netflix e The Good Place (TGP) com certeza é uma delas. Criada pelo gênio da comédia Michael Shur (The OfficeBrooklyn Nine-Nine e Parks & Recreation), a trama acompanha a jornada de cinco desconhecidos, que eventualmente se tornam melhores amigos, pela vida após a morte.

O tema já foi explorado em diversos shows no passado, mas nenhum com tanta profundidade quanto nesta série. Um dos personagens principais era professor de ética na faculdade antes do início da trama e suas discussões sobre a matéria com os outros personagens, que muitas vezes são auxiliadas por efeitos práticos e consequências hilárias, são surpreendentemente divertidas e engajantes.

Assim como Community, a vida após a morte é repleta de personagens com backgrounds diversos. É possível encontrar desde um personagem com descendência asiática com muito carisma, fã de futebol americano e breakdancing. Mas também, é possível encontrar uma socialite indiana que é amiga pessoal de diversas celebridade. Bem como, sabe tudo sobre circular nos mais altos círculos sociais. Porém, nunca conseguiu sair da sombra da irmã.

Nenhum seriado é mais indicado do que este para quem quer aprender sobre algumas das maiores ideias filosóficas já pensadas. Ao mesmo tempo, poder acompanhar uma trama envolvente e repleta de reviravoltas impossíveis de prever. Com quatro temporadas já lançadas, The Good Place tem uma quinta e última programada para 2019.

 

Billions, The Good Place e Community são algumas das melhores séries para quem quer pensar fora da caixa. Já sabe qual delas você vai assistir?

 

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Mestre em História, criador de conteúdo, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias e resenha séries semanalmente.

No comments

Add yours