Crítica: 15×06 de Supernatural contou com retorno de Castiel

Imagem do episódio 15x06 de Supernatural

Após um curto período ausente, o anjo retornou para a série e, pelo que vimos, com um pouco mais de coragem e de raiva

Castiel voltou em Supernatural, e em excelente momento.

Continua após a publicidade

Ele estava em uma cidadezinha, quando descobriu que um garoto foi encontrado morto de maneira muito estranha. Para completar, ao ir até a delegacia descobrir mais informações, ele encontra com uma mãe desesperada com o desaparecimento de seu filho. O xerife, que não estava nenhum pouco preocupado com o desaparecimento do jovem, pois julgava que a cidade era tranquila demais para que algo sério houvesse ocorrido, ligou para o superior de Cas, no FBI, para checar se o “agente” era quem realmente dizia ser. Eis que Dean atende o telefone e pede para falar com o anjo.

Não se tratou de um diálogo, pois, basicamente, apenas Dean falou. Ele pediu para o Castiel responder as mensagens de Sam, as quais informavam que Chuck está de volta. É visível que o anjo ainda está muito chateado com Dean e não é para menos. No entanto, vemos a raiva que ele tem carregado dentro de si, também.

Cas continua fraco

Ele acaba descobrindo que o xerife era o monstro e o mata com vários golpes violentos, sem oferecer oportunidade para o monstro reagir. O jovem desaparecido é encontrado ferido e, nesse momento, percebemos que, a cada dia e a cada vez que utiliza seus poderes, o anjo fica mais fraco. Para curar o garoto, Cas fez um esforço extremo. Eu até pensei que ele nem fosse conseguir.

Mas, no final, ele decide parar de fugir e voltar para enfrentar Chuck. Eu não sei se concordo muito com esse retorno, pois foi apenas questão do Dean falar da situação e o anjo decide voltar para ajudar os Whinchesters.

Os personagens de Supernatural, principalmente os mais antigos na série, acostumaram-se tanto a girar em torno do Sam e do Dean, que perdem suas identidades. Foi exatamente o que aconteceu com Castiel. Parece que nem ele sabe mais quem ele é.

Além do mais, fraco como ele está e com a situação insustentável entre ele e Dean, não sei bem como ele pode ajudar, mas tudo bem.

Rowena deixa seus conhecimentos para Sam

Ao mesmo tempo em que Cas está nessa situação, Sam recebe a visita do fantasma de sua ex-namorada, Eileen. Ela teve a alma arrastada pelo cão do inferno até o próprio Inferno. Com a fenda aberta por ChuckEileen escapou de lá e não tinha intenção de retornar. Ao mesmo tempo, também não podia ir para o Céu, pois como Dean lhe explicou, uma alma do Inferno não entra no Céu.

Por falar nele, vemos nesse episódio  um Dean bem menos alterado nesse episódio, cansado e até mais desanimado, devido a perspectiva de que Chuck os encontraria de qualquer forma. E é o Sam que tenta organizar tudo.  E como é bom vê-lo liderando, justamente, porque ele não é tão irascível quanto o Dean.

Sam resolve, então, ir até a casa de Rowena para tentar colocar em prática seu plano que ajudaria Eileen. Chegando lá, eles descobrem que algumas bruxas queriam se apossar dos bens de Rowena e uma delas até morreu tentando entrar no quarto de Rowena. Mas, esse estava protegido com um feitiço poderoso, que não afetava apenas o Sam.

Achei bem interessante o fato de a Rowena deixar seu espólio para o Whinchester. Será que ele vai utilizar mais vezes os conhecimentos e os feitiços de Rowena? Ele disse que não é um bruxo, mas seria legal isso acontecer, porque, pensando bem, o Sam sempre deu um jeito de ler feitiços e fazer magia!

No final deste episódio de Supernatural, Sam consegue trazer Eileen à vida novamente e temos a conversa motivacional, que a gente já conhece, em que o Whinchester mais novo pede que Dean continue lutando.

Eu acho que o rumo que a série está seguindo é bem interessante. Quero ver toda a ação e o desenrolar da história, mas entendo que isso tem que ser construído aos poucos.

E vocês? O que acharam do episódio? Continuem nos acompanhando aqui no Mix de Séries. Até a próxima! cw.com

Nota do Episódio8
Review do sexto da décima quinta temporada de Supernatural, da CW, intitulado "Golden Time".
8

No comments

Add yours