Crítica: 2×13 de Manifest trouxe final confuso para 2ª temporada

Critica Manifest 2x13
Imagem: Divulgação.

Drama terminou sua segunda temporada com mais perguntas

Manifest é o tipo de série que não está apta a tranquilizar seus personagens, muito menos seus espectadores. A cada novo episódio ela trata de lançar uma pergunta, levantando hipóteses e caminhos que soam impossíveis. Algumas coisas dá para relevarmos, mas outras não.

Continua após publicidade

O final desta segunda temporada, assim, acabou sendo um misto de sentimentos: ao mesmo passo que explica algumas coisas, utiliza de artifícios para confundir ainda mais a cabeça do espectador. E não tem nada de errado fazer isso, mas me preocupa o medo dos roteiristas estarem confusos também e não saberem mais para onde ir.

Continua após a publicidade

Desfecho apreensivo

O episódio, basicamente, centrou-se nos esforços para salvar Cal, que foi sequestrado. A ação foi bem interessante, e prendeu a atenção do espectador. Embora a gente soubesse que Cal iria sobreviver, me veio a ideia de que alguém poderia morrer ou ser ferido gravemente. Mas acabei me decepcionando, porque todos saíram vivinhos da silva. Incluindo Zeek, que estava quase congelado – mas comento sobre ele já já.

Continua após publicidade

Aliás, preciso dizer que a cena em que eles tentam trocar Cal pela bolsa de metanfetamina foi incrível. A tensão foi nas alturas, e o que aconteceu da boa samaritana ter atrapalhado poderia acontecer facilmente. Mas deu uma raiva, com certeza, porque estava tudo dando certo para a troca ser realizada.

Ainda dessa trama do sequestro de Cal, confesso que gostei da ajuda de Jared e Drea. Eles foram ótimas adições ao time e de fato ajudaram. Mas fiquei incomodado deles terem feito tudo escondido da capitã Bowers. Ela está apta a ajudar Michaela, e dessa forma as coisas não continuarão bem entre elas.

Continua após publicidade

A função de Zeke

Honestamente, eu teria ficado satisfeito com a morte de Zeke. Tudo estava correspondendo para ele partir dessa para melhor, incluindo o fato de que com o sequestro de Cal, meio que sua vida tinha um função: a de ajudar o garoto. A partir do momento que ele teve um chamado, que mostrava o exato local onde ele estava, não fazia mais sentido Zeke continuar vivo, ao menos na lógica da série. O rapaz chegou até ir no lugar, mas ele estava realmente próximo de morrer.

Na hora da troca, creio que seu coração chegou a parar de bater, mas graças a um raio, que jogou os traficantes no lago, Zeke voltou a vida. E eu fiquei tipo o Jared, quando se deu conta de que o rapaz estava bem. Ao menos, foi aliviante ver que a data da morte pode ser vencida. Mas poxa, ele poderia continuar morto, porque continuo torcendo por Michaela e Jared (me julguem).

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Mais e mais perguntas

Acontece que os corpos de Jace, Pete e Kory desapareceram no lago. A polícia não os encontrou, e isso foi muito estranho. Provavelmente, tivemos um outro salto no tempo, mas não faço ideia dessa finalidade. O brilho quando Zeke voltou dos mortos também é algo que já vimos antes, mais recentemente com o diário de Al-Zuras. Aparentemente, teremos muito assunto para tratar, caso a terceira temporada de Manifest seja confirmada.

Ah, não podemos esquecer de Saanvi, coitada! Neste episódio, ela tento pressionar a Major sobre a cura da anomalia genética que acabou escapando que o sangue de Zeke era a chave para desvendar o código da mutação. Surpreendente foi o fato de que Saanvi a procurou novamente, dessa vez com anafilaxia, que acabou matando a mulher. Se isso vai causar problemas para a médica? Sem dúvidas.

E a cauda no avião, no final? Eu preciso dizer que fiquei em choque. Mas o 828 não explodiu no primeiro episódio? Como ele poderia estar lá, no fundo do oceano? Que bizarro. Isso quer dizer que os personagens estão todos mortos? Muito LOST feelings!

Com Zeke tendo sobrevivido, a data da morte é uma história superada em Manifest. Agora, precisamos voltar atenção para o desaparecimento dos três traficantes, que se juntam ao piloto do 828 e a psicóloga Fiona Clarke. Além disso, voltamos a ficar preocupados com a conspiração do governo. Acho que já podemos montar nosso próprio comitê de investigação, correto?

E vocês, o que acharam da segunda temporada de Manifest? Deixem nos comentários. E continuem acompanhando todas as novidades da série aqui no Mix de Séries. Até a próxima!