Grey’s Anatomy: Alex quase morreu no seu final da 16ª temporada

Grey's Anatomy Alex quase morreu na 16 temporada

Final de Alex foi criticado por fãs

No início deste ano, Justin Chambers anunciou oficialmente sua saída de Grey’s Anatomy como Alex Karev. É seguro dizer que, não só as notícias foram surpreendentes, mas os espectadores ficaram surpresos ao saber que a última aparição em tela do ator já havia acontecido no fim de 2019.

Assim, os roteiristas precisaram pensar em uma saída para tirar o personagem de tela e, após o episódio de despedida de Alex, os fãs ficaram furiosos com a forma como ele foi eliminado da trama. Agora, após o fim da temporada, a roteirista Krista Vernoff finalmente resolveu rebater as críticas.

A saída abrupta de Justin Chambers deixou um grande buraco na história de seu personagem. Na série, a ausência de Alex foi explicada por ele visitar sua mãe. Então, sua esposa Jo começou a se preocupar porque ele não respondia às mensagens dela depois de um tempo. Em um episódio repleto de flashbacks, Alex se despediu por meio de cartas a Jo e Meredith, explicando que ele se reconectara com a ex-esposa Izzie Stevens e seus filhos e que estava deixando Gray Sloan para sempre.

Enquanto a atriz Ellen Pompeo achou que era “a melhor despedida” para o personagem, muitos fãs não ficaram satisfeitos. Em entrevista ao Deadline, Krista Vernoff revelou seus pensamentos sobre a resposta irritada dos fãs.

Continua após a publicidade

Não tinha outro final

De acordo com Vernoff, dada as circunstâncias, este era o único final viável para o personagem. “Acredito que haveria ataques ainda maiores se tivéssemos matado esse personagem fora das câmeras, e essas foram nossas escolhas. Poderíamos ter matado o personagem fora das câmeras. Mas poderíamos criar uma maneira crível dele ser feliz para sempre, e alguns dos fãs postaram: ‘bem, ele poderia estar fora das telas em Seattle como April Kepner’, mas teríamos uma atriz na série que não consegueria fazer nenhuma das emoções sexy e divertidas de que somos conhecidos, penalizando e limitando os atores que estão na série de forma criativa. Então, eu fiquei realmente orgulhosa desse episódio. Eu acho que Elisabeth Finch fez um trabalho extraordinário com uma tarefa quase impossível.”.

Alex quase morreu em final da 16 temporada de Grey's Anatomy

Último episódio com Alex foi exibido em 2019. Imagem: Divulgação

Com certeza parece que ela estava um pouco confusa sobre que final dar Alex, e em retrospectiva, não havia muito o que Krista Vernoff e a equipe de roteiristas poderiam fazer, considerando que Justin Chambers foi embora antes que seu enredo pudesse ser finalizado. O ex-roteirista de Grey’s, Tony Phelan, também admitiu que as despedidas dos personagens “nunca foram fáceis ou totalmente satisfatórias para o público”.

Foi difícil para os fãs verem um personagem como Alex – um dos últimos membros do elenco original a sair – abandonando Jo e sua vida em Seattle para ficar com Izzie em uma fazenda. Ainda assim, seu episódio de despedida teve alguns momentos emocionantes e Krista Vernoff admite que foi emocional para ela. 

Esse episódio me fez chorar. E me fez rir. Eu me senti muito profunda. Senti satisfação e direi que recebi muitos comentários de fãs que se sentiram da mesma maneira, mas as pessoas com raiva são sempre as mais barulhentas. Não fiquei surpresa com a reação dos fãs, mas sei que teriam ficado igualmente bravos se eu o tivesse matado – então foi tipo, essas são as suas escolhas e fiquei muito feliz com o que escolhemos.”.

A 16ª temporada de Grey’s Anatomy terminou nos Estados Unidos na última quinta. No Brasil, ela ainda vem sendo exibida pelo Canal Sony.

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Criador, editor e redator do site Mix de Séries, é apaixonado por séries desde sempre. Fã incondicional de One Tree Hill, ER, Friends, e não perde um episódio da Franquia Chicago.

No comments

Add yours