My Name, final explicado: quem matou o pai de Yoon Jiwoo

Explicamos o desfecho de My Name na Netflix.

My Name final explicado
Continua após publicidade

O mais novo thriller de vingança coreano da Netflix é a série de tirar o fôlego My Name. E os fãs de outras séries coreanas intensos como Round 6 com certeza vão gostar dela também.

Continua após publicidade

My Name segue uma mulher chamada Yoon Ji-woo (Han Soo-hee) cujo pai Yoon Dong-hoon (Yoon Kyung-ho) é um gangster que lidera uma perigosa organização conhecida como Dongcheon. Aos 17 anos, Ji-woo testemunha o assassinato de seu pai e jura vingança por qualquer meio necessário – até mesmo se infiltrando na polícia e trabalhando como policial disfarçado.

Toda a primeira temporada de My Name está disponível para assistir na Netflix e, ao longo de cada episódio, vemos Ji-woo se tornar uma lutadora habilidosa com a ajuda do amigo íntimo de seu pai, Choi Mu-jin (Park Hee-soon). Dessa forma, ela trabalha duro para descobrir quem está por trás da morte de seu pai. Agora, nós analisamos o final e algumas perspectivas a partir dele.

Continua após publicidade
Continua após publicidade
My Name Netflix
Imagem: Divulgação.

Ninguém é confiável em My Name

Como a maioria dos bons thrillers, My Name é cheio de reviravoltas que mantêm o público confuso – e ninguém é quem diz ser. Originalmente, acredita-se que o pai de Ji-woo, Dong-hoon, é um traficante de drogas, mas eventualmente é revelado que ele era na verdade um policial chamado Song Joon-su se passando por um gangster para sua missão. Quando Mu-jin descobriu a verdadeira identidade de Dong-hoon, ele matou seu suposto amigo de raiva pela traição. Isso significa que o tempo todo que Mu-jin estava supostamente ajudando Ji-woo a treinar e rastrear o assassino de seu pai, ele a estava mantendo mais longe da verdade do que ela percebeu.

Leia também: Revelado se My Name terá 2ª temporada

Claro, Mu-jin não é o único personagem obscuro em My Name. Ji-woo é enganosa, pois ela trabalha com ambos os gângsteres que eram próximos de seu pai, bem como seu parceiro policial Jeon Pil-do (Ahn Bo-hyun) para descobrir a verdade; Do Gang-jae (Chang Ryul) é um criminoso violento que tenta derrubar Dongcheon iniciando sua própria gangue; e o capitão da polícia Cha Gi-ho (Kim Sang-ho) tem muitos de seus próprios segredos.

Continua após publicidade
My Name final
Imagem: Divulgação.

Quem matou o pai de Ji-woo?

Para reforçar, My Name revela que Yoon Donghoon foi assassinado após trair o cartel Dongcheon e seu líder Mujin. Tudo isso porque o pai de Ji-woo trabalhava como um informante da polícia. Além disso, ele vazou informações importantes para Cha Giho, o capitão do time de combate aos narcóticos.

Continua após publicidade

Como também era um grande amigo do pai de Jiwoo, Mujin se sentiu extremamente traído ao descobrir a dupla identidade do mafioso. Dessa forma, ele decide matá-lo.

Continua após publicidade

A cena de amor inesperada

No final da temporada, Ji-woo e Pil-do se agacham em uma casa de praia abandonada para ficarem escondidos e cuidar de suas feridas. Depois de uma noite vulnerável um com o outro, os dois acabam se envolvendo – apesar de não haver muitos indícios de um possível romance antes disso.

Continua após publicidade

Alguns fãs recorreram ao Reddit para compartilhar seus pensamentos sobre a cena de amor. Um dos fãs destacou que, “meio que tirou o fluxo da história devido à falta de construção.”

Continua após publicidade

Leia também: Round 6 alertou sobre quem ia morrer na série e choca

Da mesma forma, outro usuário do fórum observou que a cena foi “tão aleatória que a tornou meio estranha”. No entanto, um terceiro usuário argumentou: “Achei que se encaixava muito bem; um momento para jiwoo se sentir humano e ficar nua tanto figurativa quanto literalmente.”

O diretor de My Name, Kim Jin-min, discutiu sua decisão de adicionar o momento. “Depois de pensar sobre que ação poderia parar o pensamento imparável de vingança de Jiwoo por um momento e mudar sua mente, eu concordei com a escolha de fazer aquela cena“, disse ele. “Não importa quantas vezes Pildo tentasse parar Jiwoo, ela nunca pensou em desistir. Ela não é uma pessoa que não sentia o calor dos outros e vagava por muito tempo? Eu queria mostrar que Jiwoo não é um monstro. Ouvi pessoas reagirem dizendo que a cena aconteceu ‘do nada’, mas não me arrependo de ter dirigido essa cena”.

My Name Netflix
Imagem: Divulgação.

A vingança é um prato que se serve frio em My Name

Infelizmente para aqueles que gostaram do momento romântico entre Ji-woo e Pil-do, a série rapidamente destruiu qualquer esperança de um futuro romance para os dois. Logo depois de ficarem juntos, Pil-do é inesperadamente baleado na cabeça por Mu-jin bem na frente de Ji-woo. O que essencialmente dá início a sua missão de vingança de uma vez por todas. Para piorar as coisas, logo antes da morte de Pil-do, Ji-woo estava pensando em se entregar ao invés de se vingar de Mu-jin. Mas tudo muda depois que Pil-do é assassinado.

Depois de derrotar os bajuladores de Mu-jin, Ji-woo chega a Mu-jin, e os dois lutam até a morte com uma faca. Ji-woo aparentemente perde o controle e dá tudo o que tem na batalha intensa, e ela fatalmente esfaqueia Mu-jin antes de vê-lo morrer. Sua morte lenta é um momento gratificante para Ji-woo, que havia perdido tanto em suas mãos, embora ela tivesse essencialmente se transformado em uma versão de Mu-jin no processo – fria e implacável.

E então, você gostou do final de My Name?