O verdadeiro motivo que fez ator de Dois Homens e Meio sumir

Ator ressurgiu em fotos recentes e fez internet relembrar polêmica de Dois Homens e Meio.

Dois Homens e Meio série

Ele era o garoto mais rico de Hollywood com uma carreira ilustre pela frente, mas Angus T. Jones, de Dois Homens e Meio (Two and a Half Men) parou de atuar no auge de seu sucesso para seguir um caminho completamente diferente.

Continua após publicidade

O ator americano, agora com 27 anos, apareceu pela primeira vez em anos nas imagens de um paparazzi no mês passado, ostentando uma barba espessa e pés descalços, quando saiu para compras em Los Angeles.

Continua após a publicidade

Foi uma visão desconcertante para aqueles que por muitos anos assistiram Jones interpretar o adorável Jake Harper na comédia da CBS, Dois Homens e Meio, para a qual ele conquistou o papel com apenas 10 anos de idade em 2003. Mas ele sumiu de Hollywood e existe um motivo para tal.

Continua após publicidade
Dois homens e meio ator sumiu
Imagem: Divulgação.

Ator largou Dois Homens e Meio por religião

Dois Homens e Meio rapidamente ganhou seguidores amados por sua dinâmica de personagem improvável, com Charlie Sheen interpretando o tio liberal Charlie Harper, que aceita seu irmão recém-divorciado e rígido Alan (Jon Cryer) e seu filho (Jones) em sua mansão em Malibu.

À medida que a popularidade do programa crescia, ao longo das temporadas, também cresciam os pacotes de pagamento do trio. Jones se tornou o ator infantil mais bem pago da televisão em 2010, com apenas 17 anos, quando seu novo contrato lhe rendeu US$ 10,6 milhões nas duas temporadas seguintes.

Continua após publicidade

Leia também: Dois Homens e Meio foi longe demais com episódio

Isso totalizou US$ 410.000 por episódio de meia hora para uma média de 22 episódios por temporada. Mas levaria apenas mais dois anos antes que Jones começasse a se distanciar da série que o tornou um nome familiar – e um multimilionário.

No final de 2012, Jones revelou publicamente, do nada, que havia se tornado um cristão devoto, declarando que havia sido batizado e não queria mais aparecer na série, apelidando-a de “imundice”, ao incentivar as pessoas a não assisti-la.

Jake de Dois Homens e Meio não significa nada”, disse ele em um vídeo do YouTube na conta da Igreja Forerunner, enquanto discutia seu despertar religioso.

“Ele é um personagem inexistente. Se você assiste Dois Homens e Meio, pare de assistir. Estou fazendo Dois Homens e Meio, mas não quero estar nele.”

“Não há brincadeira quando se trata da eternidade. As pessoas vão nos ver e ficar tipo, ‘Eu posso ser um cristão e estar em um programa como Dois Homens e Meio‘. Você não pode. Você não pode ser uma pessoa temente a Deus e estar em um programa de televisão como esse. Eu sei que não posso.”

Ator nos dias atuais. Imagem: News AU/Release.

Como equipe reagiu?

Em resposta à polêmica que estava inundando as manchetes na época, Sheen apoiou publicamente Jones, jogando a culpa no criador de Dois Homens e Meio, Chuck Lorre, por criar um “ambiente tóxico” no set.

“Obviamente, sem estar lá há algum tempo, o Angus T. Jones que eu conhecia e ainda amo não é o mesmo cara que vi no YouTube ontem”, Sheen disse ao TMZ. “Eu desafio qualquer um a passar 10 anos na trilha do riso que é a colmeia de opressão de Chuck Lorre e não sofrer alguma forma de um tsunami emocional. A explosão de Jones não é um incidente isolado, mas sim um sintoma do ambiente tóxico que cerca a série.”

Leia também: O motivo que fez Charlie Sheen não voltar para o fim de Dois Homens e Meio

Depois de resistir a uma tempestade de fogo como resultado da saída altamente divulgada de Sheen da série no ano anterior, a CBS tomou medidas para proteger sua série de sucesso, anunciando em abril de 2013 que Jones estava sendo rebaixado a um status recorrente para a 11ª temporada.

No final das contas, ele nem apareceu.

Angus T Jones Dois Homens e Meio
Imagem: Divulgação.

Ator deixou Dois Homens e Meio em situação chata

Em 2014, Jones anunciou oficialmente sua saída de Dois Homens e Meio, afirmando que tinha sido “um hipócrita pago” nas últimas temporadas. “Eu não estava bem com isso e ainda estava fazendo”, disse Jones em uma entrevista a uma estação de TV em Houston na época.

“Estava fazendo pouco caso de tópicos em nosso mundo que são realmente problemas para muitas pessoas.”

No entanto, ele voltou em uma participação especial para o final de Dois Homens e Meio na temporada 12, que foi ao ar em fevereiro de 2015, com Lorre revelando que eles deixaram os conflitos no passado.

“Isso tudo são águas passadas”, disse Lorre à Variety. “Ele se desculpou pouco tempo depois. Estamos nos dando bem.”

Só que, desde estão, Angus T. Jones não apareceu na TV novamente. Exceto por um breve vislumbre em uma série da web chamada Horace And Pete, em 2016. Depois de sair do centro das atenções, Jones frequentou a Universidade do Colorado em Boulder em um programa de estudos ambientais.

Em 2016, ele conseguiu um emprego como presidente de entretenimento da Tonite, uma empresa de multimídia fundada pelo filho de P. Diddy, Justin Combs.

“Meu pai era um armador e começou uma empresa de aluguel de equipamentos, então cresci trabalhando com ele em shows e festivais”, disse Jones à People em 2016, após sua nomeação.

“Estou animado para ir aos locais.”

No entanto, ele também admitiu na publicação que “a porta definitivamente ainda está aberta” para voltar a atuar um dia. Quem sabe?!

Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.