Spoiler Alert: Confira os spoilers e novidades da semana nas séries de TV

Spoiler Alert, Madam Secretary, All American, Whiskey Cavalier

All American, Madam Secretary, Whiskey Cavalier e muito mais

Numa semana com diversos Season Finales, nada mais natural do que trazer informações do futuro das séries que terminaram recentemente. Madam Secretary, assim como Roswell New Mexico são alguns exemplos da proposta desta semana. Além disso, também temos uma pequena luz em relação ao segundo ano de All American, apesar de todo mistério trazido pelos criadores. Outra novidade, e talvez a principal na coluna desta semana, é o que o futuro reserva para Whiskey Cavalier. Nós ainda não sabemos se ela será renovada ou cancelada. Mas vale descobrir o que Scott Foley promete sobre seu futuro. Vamos em frente?

Sonhando alto

Numa entrevista com o Deadline para comentar a reportagem de que All American está fazendo um enorme sucesso na Netflix, o produtor executivo do drama, Robbie Rogers, e o showrunner, Nkechi Okoro, foram relutantes em compartilhar ideias sobre o próximo ano. “Claramente, você quer que a CW nos mate por revelar qualquer spoilers,” riram.

“Infelizmente nós não podemos compartilhar qualquer dos nossos planos se tivermos a sorte de sermos renovados,” disseram. “Contudo, posso dizer que nós temos grandes planos. E vamos continuar a nos inspirar na vida real do Spencer Paysinger e  trabalhar autenticamente a realidade da juventude negra,” completaram.

Obs.: A entrevista foi concedida antes da CW renovar All American.

Aprendendo um novo vocabulário

Para quem assistiu a Season Finale de Madam Secretary, sabe que ele é carregado de fortes emoções. É inevitável, portanto, perguntar, o que devemos esperar do futuro. Embora a CBS ainda não tenha renovado o drama para mais um ano, a showrunner, Barbara Hall, já tem algumas ideias. “Eu adoraria termos a possibilidade de termos primárias ao mesmo tempo desta que vemos no mundo real,” diz.

“E pelo fato de termos eleições ao mesmo tempo do país do mundo estar no período eleitoral, eu acredito ser interessante conseguir trabalhar o vocabulário político,” disse. Contudo, ela ressalta que é apenas um pensamento. “Mas isso faz parte do que eu gostaria que a sexta temporada fosse, não necessariamente é o que vai acontecer,” disse a produtora,” concluiu.

O amor em tempos de guerra

No episódio de Whiskey Cavalier da última quarta-feira (23), o telespectador teve a chance de acompanhar Frankie (Lauren Cohan) ficar claramente emotiva ao descobrir que Will (Scott Foley) foi capturado. Reforçando mais uma vez a enorme tensão que existe entre os dois personagens. Contudo, em entrevista à Entertainment Weekly o protagonista do drama de ação garantiu que nós não vimos tudo desses dois ainda. Muito pelo contrário.

“Num episódio, Will está vislumbrado por ela e até mesmo vai na sua direção em busca de um beijo. Mas ele não consegue. Noutro momento, ela acredita que Will é o cara certo pra ela. Mas ele acaba fazendo com que ela se arrependa de tal pensamento. Então nós vamos brincar um pouco com esses personagens, essas dinâmicas interpessoais. Contudo, quando chegarmos mais para o final da temporada, terá uma progressão de uma forma ou outra,” garante.

Prometeu, tem que cumprir

Para todos nós que ainda estamos processando a decisão da CW em não cancelar nenhuma série desta temporada, lembro que dentre as já garantidas para mais um ano está Roswell, New Mexico, cujo primeiro ano terminou recentemente. Sendo assim, o que esperar da próxima temporada? Em entrevista à MTV, a showrunner Carina Adly MacKenzie nos trouxe algumas ideias e ainda prometeu que não esquecerá de certas histórias.

“Ainda há muito chão pra cobrir, e algumas dessas pontas ainda não foram devidamente amarradas. Minha esperança é de explorar esse novo mundo onde Liz vive. Em que ela teve que reconciliar o fato de que alguém que ela ama, trocou sua vida por outra pessoa na qual ela nutre sentimentos. Nossos temas quanto a segunda temporada vão fazer com que retornemos aos conceitos originais da série,” garantiu.

Quem entra e quem sai

– Atypical: protagonista da comédia da ABC, The Conners, Sara Gilbert foi escalada para o terceiro ano do drama cômico da Netflix. A atriz interpretará Judd, uma professora universitária de ética que se mostra geralmente irritada e exausta. Mas ela também é passível de compaixão. Ela se junta ao elenco da série que já inclui Jennifer Jason Leigh, Michael Rapaport, e Brigette Lundy-Paine.

Dragon’s Den: o programa de investimentos britânico, que funciona basicamente como uma Shark Tank do Reino Unido, vai ganhar seu ‘dragão’ mais jovem da história. A BBC Two confirmou na última semana a adição de Sara Davies. Fundadora da mundialmente conhecida, Crafter’s Companion, empresa de produtos de criação.

Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours