Crítica: Com novos destaques, Hawaii-Five 0 esteve “com tudo” na 9ª temporada

Nona temporada de Hawaii Five-0 apresentou bons episódios

Com casos mais criativos e destaques em outros personagens além de Steve e Danny, Hawaii Five-0 voltou para sua nona temporada com muita força. Ainda tenho minhas dúvidas se a série deveria continuar se prolongando por muito tempo. Mas, que essa temporada deu uma renovada na série, é fato.

O adeus de um personagem importante

Para começar essa crítica da nona temporada de Hawaii Five-0 precisamos falar de Joe White. Há alguns anos, a série vem trazendo alguns episódios com parceiros externos dos protagonistas e geralmente isso envolve uma viagem com uma missão supersecreta. A nona temporada não foi diferente. E acredito que muitos espectadores ficaram chocados com a midseason dessa temporada.

No caso, tivemos uma missão que trouxe Katherine e Joe White de volta. Infelizmente, tivemos a despedida de Joe White com a sua morte, mas também tivemos momentos muito bonitos entre ele e Steve. Chegamos até a aprender a importância de Joe White para o relacionamento entre Steve e Katherine. Nunca fui fã de Joe, mas admito que esse fim foi uma forma de prestar homenagem ao personagem. Bem como, tudo o que ele significou para nosso protagonista, Steve McGarret.

Os corações de Steve e Dany

Outro fato que se repete em toda a temporada é a volta de Katherine. E, com isso, aquele sentimento de que finalmente Steve terá seu final feliz. Mas, como já imaginávamos, o reencontro dos dois ficou por aí mesmo e a torcida por “McRoll” segue em frente.

Falando em relações amorosas, o que está acontecendo entre Danny e Rachel? Admito que achei uma gracinha ele dizer que o fim de semana com ela foi “legal e divertido”. Também achei muito fofo ele vir contar para Steve como se fosse novidade os sentimentos dele pela Rachel. Ele é claramente louco por ela, e pelo bem de Grace e Charlie, torço para que eles tenham um final feliz.

Por outro lado, as declarações e implicâncias entre Steve e Danny diminuíram muito nessa temporada e acredito que somos todos gratos por isso. Há algumas temporadas esse vem sendo um dos plots mais cansativos de Hawaii Five-0 e que finalmente está mudando. Inclusive, a principal prova de tal fato foi o restaurante que os dois abriram juntos não ter durado nem metade da temporada. É importante dizer que essa temporada também foi diferente na forma como Steve e Danny perderam o foco, deixando espaço para outros personagens crescerem.

Menos implicância e mais ação para Steve e Danny. Imagem: CBS/Divulgação.

As melhores cenas da nona temporada de Hawaii Five-0

Com isso, a nona temporada de Hawaii Five-0 teve claramente uma abordagem diferente das últimas temporadas. Como sempre, tivemos casos que reaparecem em toda temporada, como os envolvendo a máfia Noshimuri e casos envolvendo Joe White e Katherine. Também tivemos aquela velha dança entre Steve e Danny, apesar de menos presente. Além disso, tivemos torta de climão entre Steve e Katherine e a possível volta de Danny e Rachel.

Mas, o que mais surpreendeu na nona temporada de Hawaii Five-0 foi o destaque de Junior e Tani. Não só os personagens cresceram como parceiros de trabalho e dupla de amigos, como também indivíduos. Preciso admitir que os episódios que mais gostei foram os episódios focados neles – e que inclusive foram muitos. Existe uma química muito clara entre os dois que faz com que suas cenas sejam muito gostosas de assistir. Com muitos episódios focados nas famílias dos dois, acredito que são Tani e Junior a roubarem o foco de Steve e Danny.

Imagem relacionada

Junior e Tani se destacaram na 9ª temporada de Hawaii Five-0. Imagem: CBS/Divulgação.

Jerry também fez parte do grupo de personagens que está crescendo a cada episódio. Com alguns episódios focados nele, o personagem chegou até a ser o herói e salvar o dia no último episódio.

Onde estavam Lou e Adam?

Por outro lado, Lou está cada vez menos importante na série. Ele esteve em cena somente para fazer comentários sem graça, ou com tons muito dramáticos quando os casos policiais envolvem pais e filhos. Lou já foi um grande personagem da série mas com tantos outros ganhando força, ele está ficando cada episódio mais de lado.

Outro personagem que está meio perdido na série é o Adam. E mesmo assim ele ainda ganhou mais destaque que Lou. Acho que nenhum fã da série gostou de saber que a Kono terminou seu casamento com Adam. Depois de tudo que eles passaram durante anos de Hawaii Five-0, qual o propósito desse término? Vamos ficar na torcida que isso tenha alguma explicação no futuro, nem que seja essa reunião inesperada entre ele e Tamiko. Além disso, tivemos a entrada de Adam para a equipe Five-0. Aparentemente, saber usar uma arma e ser amigo de Steve é suficiente para tal.

A grande família Five-0

Que Hawaii Five-0 gosta de momentos nostálgicos, todos já sabíamos. Mas essa temporada veio claramente para abrir portas para novos personagens. Além de novos personagens regulares como Adam, Noelani e Duke, tivemos episódios com vítimas e suspeitos relacionados a vários outros personagens conhecidos. Isso só nos faz sentir que aquele velho sentimento de família da Five-0 está ficando cada vez mais forte e presente.

É bonito ver uma série que, depois de tantos anos, ainda se importe com esses relacionamentos entre personagens diversos, até mesmo os menos relevantes como Flippa. Assim, a lealdade de Hawaii Five-0 com seus fãs continua firme e forte…

Casos muito complexos

No geral, a nona temporada de Hawaii Five-0 nos trouxe extremos não só em relação às cenas de Adam e Lou, mas também nos casos policiais. Parece que Peter M. Lenkov, showrunner de Hawaii Five-0, tentou compensar a falta de criatividade dos casos policiais da oitava temporada neste nono ano da série com casos extremos demais.

Por exemplo, tivemos alguns casos simples e básicos, como o assassinato da irmã de Adam que foi solucionado em cinco minutos. Por outro lado, alguns episódios foram confusos e complexos demais, com detalhes e personagens desnecessários. Ainda bem que a série tem essa mania de apresentar a equipe Five-0 explicando o caso inteiro para os suspeitos ou seria muito difícil acompanhar essa temporada. Além disso, as discussões da equipe sobre os casos estão ficando cada episódio mais dramáticas.

O que será de Hawaii Five-0?

Resumindo, a nona temporada de Hawaii Five-0 veio para nos lembrar que a série é capaz de ser inteligente e nostálgica ao mesmo tempo. Como sempre, trouxe vários contos sobre a cultura havaiana e muitas paisagens bonitas. E, com certeza, houve uma melhora se comparada a oitava temporada. Mas, caso a série continue por muitas outras temporadas, será preciso renovar os casos policiais e diminuir as falas dramáticas.

Mas, e aquele final? Será que alguém levou um tiro? Jerry? Steve? Teremos de esperar até a sua décima temporada para matar essa curiosidade. Iremos descobrir o que acontece entre Danny e Rachel? Continuar torcendo que Tani e Junior finalmente fiquem juntos? Ficaremos na torcida!

E vocês, o que acharam da nona temporada de Hawaii Five-0? Deixem nos comentários…

Leia também: Os bastidores de Hawaii Five-0, curiosidades por trás das câmeras

Nota da Temporada9
Hawaii Five-0 se reiventa e permanece excelente em sua nona temporada.
9

No comments

Add yours