Millie Bobby Brown detona criadores de Stranger Things e eles reagem

Estrela de Stranger Things criticou publicamente os roteiristas da série.

Stranger Things
- Publicidade -

Como em toda família ou grupo de amigos/colegas, farpas são coisas normais. Aqui e ali soltamos ou ouvimos piadinhas ou comentários ácidos sobre algo. A indústria do Cinema e da TV está cheia destas declarações, que muitas vezes tornam-se polêmicas e geram desavenças. A mais recente envolve a estrela de Stranger Things, Millie Bobby Brown, e os criadores da série da Netflix, Matt e Ross Duffer.

- Publicidade -

Tudo começou com uma entrevista da atriz e Noah Schnapp. No vídeo, a dupla comenta sobre a nova temporada e diz que a produção é gigante. Schnapp puxa o trem, dizendo que o grupo está muito grande. Brown já emenda, dizendo que o time não conseguiu sequer tirar uma foto na noite anterior, pois eram 50 pessoas. 

Vocês precisam começar a matar as pessoas. Os Duffer são dois Sallies sensíveis. Não querem matar ninguém”. A atriz começa em tom de deboche, rindo com o colega de elenco, mas a provocação continua, e parece ter fundo verdadeiro. Brown vai além ao fazer uma comparação com outro sucesso da TV: Game of Thrones.

- Publicidade -

Precisamos ser como Game of Thrones. Precisamos ter o mindset de Game of Thrones”, provocou a atriz. “Eles tentaram matar David (Harbour, o Hopper), mas o trouxeram de volta. Ridículo!”, finaliza.

Criadores da série reagem aos comentários

A questão é que Matt e Ross Duffer são roteiristas ativos na divulgação da série. Assim, eles aparecem em entrevistas e artigos com frequência. Não tardou, então, para os criadores da série reagirem aos comentários da protagonista do show. 

“Ela disse que somos sensíveis. Hilária. Mas imagine, hipoteticamente, que matemos Mike. Isso é deprimente. Não somos Game of Thrones. É Hawkins, não Westeros.”, afirmou Matt Duffer.

- Publicidade -

Leia também: Stranger Things: criadores antecipam 5ª temporada

O roteirista ainda garante que a série deixaria de ser o que é caso seguisse os rumos do sucesso da HBO. “Você tem que fazer [a série] de forma realista. Quando Barb morreu, passamos duas temporadas lidando com isso”.

Duffer ainda afirma que a última temporada pode trazer mortes, mas esclarece que tudo precisa ser pensado e que as coisas são mais complexas do que a atriz sugere. “Há vidas por trás de tudo. Não tem nada a ver com a minha sensibilidade”.

Irmãos Duffer já haviam criticado método utilizado por Game of Thrones

Pouco antes das declarações explodirem na internet, o Mix de Séries já havia apontado uma crítica dos irmãos Duffer a um método que ficou famoso justamente com Game of Thrones. Em outra entrevista, Ross Duffer explicou porque o último capítulo da quarta temporada foi longo, e que o último da quinta deve seguir o mesmo caminho.

- Publicidade -

“Não gostamos de séries onde o penúltimo episódio é muito importante, mas o último só mostra efeitos do anterior”. Para o roteirista, caprichar no penúltimo episódio acaba tirando o peso e brilho do último. Por isso, a ideia é escrever um desfecho com mais de duas horas, assim como na quarta temporada.

Leia também: Criadores de Stranger Things confirmam que SPOILER morreu

Matt Duffer, então, completa dizendo que, com tudo acontecendo em um longo e épico final, os efeitos são apenas parte de um quadro muito maior.

Vale lembrar, então, que Game of Thrones sempre apostou neste formato, agora criticado pelos irmãos Duffer. Os fãs lembrarão com facilidade que os penúltimos capítulos de Game of Thrones sempre eram maiores e mais relevantes, enquanto o último só mostrava os efeitos do anterior, enquanto preparava o terreno para a temporada seguinte.

Foi assim em Baelor, no primeiro ano, e em basicamente todas as temporadas seguintes, passando pelo Casamento Vermelho, pela Guerra dos Bastardos e muitos outros acontecimentos que só apareceram no penúltimo episódio de cada temporada.

Crise em Stranger Things

A provocação de Brown, então, deve ter batido ainda mais forte nos Duffer, que parecem não gostar muito de Game of Thrones. Assim, acreditamos que a atriz pode ter exagerado na declaração. Além disso, é visível que os roteiristas ficaram insatisfeitos, principalmente por ter sido uma crítica feita publicamente, em vídeo, durante o lançamento da quarta temporada. 

Para completar, uma das maiores críticas ao final da quarta temporada de Stranger Things foi justamente a falta de coragem dos roteiristas para matar uma personagem principal. O próprio Mix de Séries, em sua crítica, salientou o problema que manter tal personagem viva. Assim, os Duffer devem estar cientes de tais reclamações, e devem ter ouvido isso com frequência nos últimos dias. Ver sua protagonista repetir e catalisar tal crítica pode ter incomodado a dupla.

- Publicidade -